Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Medida do governo saudita coloca Newcastle próximo de venda

Medida contra a pirataria pode fazer venda do Magpies para fundo controlado por príncipe da Arábia Saudita ser confirmada

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Divulgação/Site Oficial do Newcastle

A polêmica venda do Newcastle para um fundo de investimentos pertencente a Mohamed bin Salman, príncipe da Árabia Saudita, pode ser fechada nesta semana segundo o tabloide inglês ‘The Sun’.

Aniversário CLUBE EXTRA

Clique e veja as melhores promoções!

A aprovação da negociação pode se dar devido a uma medida do governo saudita para combater a pirataria. O governo saudita anunciou que vem tentando derrubar sites que transmitem de forma ilegal competições de futebol pela Internet, uma das razões pelas quais a negociação dos Magpies poderia não ter ocorrido.

A principal polêmica neste caso é quanto ao serviço beoutQ, que estaria transmitindo eventos esportivos de forma ilegal de acordo com acusações da Organização Mundial do Comércio (OMC) e o canal esportivo beIn Sports. A medida saudita de combate à pirataria deve servir para afastar críticas quanto à negociação.

Mas a compra do Newcastle também é marcada por várias acusações de violações de direitos humanos ao governo da Arábia Saudita. Mohamed bin Salman, por exemplo, é acusado de ser o mandante do assassinato do jornalista Jamal Khashoggi, fato deste que levou ainda mais controvérsia para a negociação do time com o fundo saudita.

A venda, que deve envolver uma negociação de 300 milhões de libras, deve ser anunciada e aprovada oficialmente pela Premier League nos próximos dias.

LEIA MAIS

Imprensa inglesa aponta interesse do Manchester United em joia do Barcelona

(Crédito da foto: Divulgação/Site Oficial do Newcastle)