Arrependido? Borja fala sobre ter trocado Atlético Nacional pelo Palmeiras

Colombiano de 27 anos não deixou saudades no Palmeiras e retornou ao futebol colombiano

Eder Bahúte
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

A passagem do atacante Borja pelo Palmeiras decepcionou muitos torcedores. Depois de ser destaque pelo Atlético Nacional na conquista da Libertadores da América 2016, o colombiano chegou ao Verdão com recepção de gala no Aeroporto. A expectativa, porém, não foi confirmada dentro das quatro linhas.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

Apesar de um início animador, o centroavante foi aos poucos perdendo espaço e passou a ser alvo de críticas. Com um clima nada favorável para o jogador, a diretoria do Palmeiras decidiu em dezembro emprestá-lo ao Junior Barranquilla.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Em entrevista à ESPN da Colômbia, Borja foi perguntado se houve algum tipo de arrependimento em ter trocado o Nacional pelo Palmeiras, em 2017.

“Eu cheguei [no Atlético Nacional] com o objetivo de fazer história e acho que fiz. Depois disso pensei em minha família, acreditei que havia aparecido uma linda oportunidade e aproveitei. Poderia ter continuado (no Atlético Nacional), não sei, mais alguns meses pois viria a Recopa, inclusive falei com o professor (Reinaldo Rueda), sobre ficar para a Recopa, mas creio que o Nacional tinha interesse também, e havia um dinheiro de transferência para o clube e creio que isso também ajudou”, avaliou Borja.

Contratação mais cara da história do Palmeiras, Borja custou 10,5 milhões de dólares (R$ 32,5 milhões) por 70% dos direitos econômicos. Em 112 partidas pelo alviverde, o centroavante colombiano marcou um total de 36 gols.

LEIA MAIS: