Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Futebol: 9 jogadores que já foram suspensos por doping

Modalidade é rígida em relação ao uso de substâncias irregulares

Octávio Almeida Jr
Jornalista graduado pela Universidade da Amazônia (UNAMA), 28 anos.Repórter de campo pela Rádio Unama FM em duas finais de Campeonato Paraense (anos 2016 e 2017). Repórter no site Torcedores.com desde 2018.

Crédito: Reprodução/Internacional

O atacante Gonzalo Carneiro foi reintegrado aos treinos do São Paulo após cumprir suspensão por suspeita de uso de cocaína. A seguir vamos citar nove jogadores de futebol que foram suspensos após serem flagrados no exame antigo.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

Veja a lista a seguir:

Gonzalo Carneiro – reintegrado aos treinos do São Paulo neste sábado (4), o jogador foi suspenso por suspeita de uso de cocaína.

Guerrero – em outubro de 2017, o jogador peruano foi pego com traços de um metabólico da cocaína. Entre punições e efeitos suspensivos, o jogador conseguiu disputar a Copa do Mundo 2018. A suspensão de Guerrero terminou no dia 5 de abril de 2019.

Jobson – o atacante foi pego duas vezes no antidoping em 2009. No ano seguinte foi suspenso por dois anos.

Diogo Vitor – atacante da base do santos foi flagrado num exame antidoping realizado em abril de 2018. Uma substância presente na cocaína foi encontrada no organismo dele. O jogador foi punido por dois anos

Michael – jogador promessa do Fluminense, ele foi pego no antidoping em 2013, após um jogo contra o Resende. O jogador foi punido e ficou sem jogar por dois períodos: entre maio de 2013 e janeiro de 2014, e março e setembro de 2015.

Max – em novembro de 2012, ele foi suspenso por dois anos em virtude de uso de cocaína.

Adrian Mutu – o meia-atacante romeno foi suspenso por sete meses, após ser flagrado no exame antidoping, quando era jogador do Chelsea.

Dinei – o ídolo corintiano foi suspenso por 240 dias após o exame antidoping acusas uso de cocaína.

Caniggia – o argentino foi flagrado no exame antidoping em 1993 quando atuava no futebol italiano. Ele ficou afastado por 13 meses.

Leia também:

Futebol: 6 jogadores que ficaram marcados por causa de expulsões