Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Por que o Brasil dificilmente contrata jogadores de fora da América Latina?

Contratações de estrangeiros, como a de Kalou e Honda, são bem raras no futebol brasileiro

Rafael Vieira
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Bruno de Lima / Lancepress!

Ontem o Botafogo anunciou o atacante marfinense Kalou de 34 anos. Alguns meses antes, o time carioca também contratou o japonês Honda. No ano passado, o São Paulo trouxe o lateral espanhol Juanfran. Apesar dessas contratações recentes, é bem raro um clube brasileiro contratar um jogador de fora da América Latina.

De certa forma, contratar uma grande estrela internacional ou até um jogador de outro país, pode trazer visibilidade ao clube no exterior. Por exemplo, ontem, o Botafogo foi manchete em vários jornais esportivos internacionais. No entanto, mesmo assim os clubes preferem optar por não realizar esse tipo de contratação.

Mas qual o motivo disso? Bom, existem vários motivos que podem explicar essa escolha dos clubes. Dessa forma, separamos abaixo 3 motivos para os clubes brasileiros evitarem contratar jogadores de fora da América Latina. Confira:

Diferença salarial

O teto salarial brasileiro é bem menor que a maioria dos países da Europa, China e outro mercados. Portanto, caso o futebol brasileiro se interesse por uma grande estrela, ele teria que investir pesado e ainda concorrer com mercados que oferecem salários muito mais altos, como a China.

Dificuldade de adaptação

A adaptação é um dos principais motivos para os clubes brasileiros evitarem contratar esse jogadores. Dessa forma, os jogadores estrangeiros falam outro idioma e possuem outras culturas, que muitas vezes são bem diferentes das encontradas aqui. Além disso, há também a adaptação ao estilo de jogo do futebol brasileiro.

Limite de estrangeiros

Talvez os clubes “arriscassem” mais se o limite de estrangeiros em cada clube fosse maior. Atualmente cada time do futebol brasileiro pode ter apenas 5 estrangeiros no clube. Dessa forma, quando os clubes tentam contratar um estrangeiro, os dirigentes brasileiros priorizam contratações de jogadores que atuam na América Latina, para ter menos problemas com adaptação e salários.

LEIA MAIS:

Veja 4 fatos marcantes de Glenda Kozlowski na Globo

Veja 4 fatos da história do Botafogo que podem ter seduzido Kalou

La Liga: Real Madrid x Alavés é destaque nesta sexta; veja os jogos