Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Simeone pede calma após João Félix se irritar com substituição

Joia do Atlético de Madrid deixou o gramado no início do segundo tempo e não ficou contente

Daniel Gois
Estudante de jornalismo da Universidade Católica de Santos. No Torcedores desde janeiro de 2017, escreve sobre futebol, basquete, formula 1 e eventualmente games.

Crédito: Divulgação/Atlético de Madrid

João Félix demonstrou irritação ao ser substituído na partida contra o Mallorca, disputada nesta sexta (3), em que o Atlético de Madrid venceu por 3 a 0. Aos 9 minutos da segunda etapa, o português de 20 anos deixou o gramado para dar lugar a Ángel Correa.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

Em entrevista coletiva após o jogo, o técnico Diego Simeone disse que quer utilizar João Félix com paciência no Atlético, sem pressa por resultados imediatos.

“Ele sofreu uma entrada dura na partida contra o Alavés. Está procurando a melhor forma. Esperamos que, com calma e tranquilidade, ele possa mostrar a qualidade que tem e possa marcar gols, que é o que lhe entusiasma”, disse Simeone.

O português de 20 anos é a maior contratação da história do Atlético de Madrid e o quarto jogador mais caro de todos os tempos, ficando atrás somente de Mbappé, Philippe Coutinho e Neymar. Em julho do ano passado, os Colchoneros pagaram 120 milhões de euros (cerca de R$ 543 milhões na época) para tirar João Félix do Benfica.

Nessa temporada, ele já disputou 34 partidas com o Atlético e marcou oito gols. No Benfica, foram 43 jogos e 20 gols marcados.

Com a vitória sobre o Mallorca, o Atlético de Madrid chega aos 62 pontos e abre cinco para o Sevilla, que só joga na segunda (6), diante do Eibar. Os Colchoneros ocupam a 3ª posição da La Liga.

O próximo adversário é o Celta de Vigo, na terça (7), fora de casa.

LEIA MAIS SOBRE O ATLÉTICO DE MADRID

Surpresa? Reação de Simeone com entrada de Griezmann nos últimos minutos é flagrada por TV; assista

Imprensa espanhola destaca chegada de Caio Henrique à Madri