Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Atlético-GO 3 x 0 Flamengo: assista aos gols da vitória do Dragão

Equipe de Goiânia estreou no Brasileirão

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016, radialista na Paiquerê 91,7.

Crédito: Heber Gomes/Atlético Goianiense

O Flamengo visitou o Atlético-GO nesta quarta-feira (12), no Estádio Olímpico de Goiânia, para tentar se recuperar da derrota para o Atlético-MG na 1ª rodada.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes
https://www.facebook.com/TorcedoresOficial

Mas o início do duelo foi ruim para o atual campeão brasileiro e o Atlético-GO surpreendeu com pressão, bons lances e um gol já nos minutos iniciais.

O gol do Atlético-GO saiu após boa jogada criada pelo lado esquerdo. Gustavo Ferrareis dominou pela ponta e avançou até achar lindo passe para Hyuri, ex-Botafogo e Atlético-MG, que marcou seu primeiro gol pelo Dragão. Assista ao gol do Atlético-GO:

O Flamengo sofreu contra o Dragão no primeiro tempo e o segundo gol dos goianos saiu em linda finalização.

Jorginho aproveitou sobra do escanteio, passou por Vitinho e acertou chutaço, sem chances para Diego Alves. Assista:

Quando o Flamengo tentava algo no setor ofensivo, o contragolpe do Atlético-GO praticamente deu números finais à partida.

Ferrareis avançou sozinho, puxou para a perna direita e acertou um chutaço, no ângulo de Diego Alves Assista ao terceiro gol do Atlético-GO:

No fim, o Flamengo ainda teve o goleiro Diego Alves expulso após agredir Matheus Vargas.

Atlético-GO x Flamengo – 2ª rodada do Brasileirão 2020
Data: 12 de agosto de 2020
Horário: 20h30 (de Brasília)
Estádio: Olímpico, Goiânia (GO)

Escalações

Atlético-GO: Jean; Dudu, Eder, Gilvan e Nicolas Vichiatto; Marlon Freitas, Edson; Everton Felipe, Jorginho e Gustavo Ferrareis; Hyuri Técnico: Vagner Mancini

Flamengo: Diego Alves; Rodrigo Caio, Gustavo Henrique, Léo Pereira e Filipe Luís; Willian Arão, Gerson; Everton Ribeiro, Vitinho e Bruno Henrique; Gabigol Técnico: Domènec Torrent

Leia mais:
De fuga e insegurança a destaque e titularidade: como Patrick de Paula saiu de comunidade no RJ para se tornar peça-chave no Palmeiras