Herói no título do Mundial pelo São Paulo, Mineiro tem apelido que não tem ligação nenhuma com MG

Ex-jogador pendurou as chuteiras atuando no futebol alemão, e resolveu fixar residência no país europeu

Cido Vieira
Jornalista em formação, e apaixonado por futebol desde criança. No Torcedores.com, trabalho como setorista do Botafogo e futebol nordestino

Crédito: Divulgação - São Paulo

Pequenino, mas ágil e um grande ladrão de bolas, o ex-jogador Mineiro teve uma trajetória vitoriosa no futebol. Apesar de ter sido rejeitado por Grêmio e Internacional no início de carreira, sendo classificado como muito baixo e fraco, o volante construiu uma história de superação na profissão, e se mostrou decisivo em muitos títulos por onde passou, o mais marcantes deles foi o Mundial de Clubes pelo São Paulo, em 2005, quando anotou o tento do triunfo sobre o Liverpool.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

Diferentemente do que muitos podem pensar, Carlos Luciano da Silva, recebeu o apelido de Mineiro, mas não por ter nascido no estado do Sudeste brasileiro. Natural de Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul, o ex-jogador “herdou” o apelido de um irmão, que os atletas do Internacional achavam parecido com o jogador Cláudio Mineiro, que atuou com destaque pelo Galo, Internacional e Sport.

Acompanhe as notícias do seu time pelo Facebook

Após ser rechaçado pela dupla Grenal, Mineiro foi revelado para o futebol pelo Rio Branco-SP, teve passagens pelo Guarani e Ponte Preta, até chegar no São Caetano, onde se destacou sendo Campeão Paulista de 2004. Todo o protagonismo serviu para levar o volante ao São Paulo, onde viria a fazer história logo em seu primeiro ano de clube, faturando o Paulistão, Copa Libertadores e Mundial de Clubes.

Com o nome cravado no Tricolor do Morumbi, Mineiro resolveu rumar para o Velho Continente, onde defendeu as cores do Hertha Berlin, Chelsea, Schalke 04 e encerrou sua carreira no TuS Koblenz, time de divisão inferior no futebol alemão.

LEIA MAIS: