Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Título milionário? Desde a chegada de Nasser Al-Khelaifi à presidência em 2011, o PSG gastou 996 milhões de euros em transferências

O clube francês gastou quase 1 bilhão de euros em reforços como Neymar e Mbappé

Flavio Souza
Desde 2006 escrevo sobre esportes em geral e participo do site Torcedores.com desde dezembro de 2018, onde exerço função de Colaborador Sênior.Atualmente meu foco é no futebol brasileiro e internacional, mas procuro falar sobre outras modalidades, como esportes olímpicos, por exemplo.Procuro trazer informações relevantes sobre os clubes fora de campo, como entrevistas, análises financeiras, desempenho das equipes em redes sociais e análises táticas.

Crédito: Divulgação Twitter/Mbappé

O PSG está próximo de conquistar um inédito título da Champions League. Falta apenas um jogo para a tão sonhada conquista. Mas caso ela aconteça, não terá sido barata. Pelo contrário, desde que Nasser Al-Khelaifi assumiu o comando do clube altos investimentos foram feitos para montar um time competitivo.

Aniversário CLUBE EXTRA

Clique e veja as melhores promoções!

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

 

Quanto custou para conseguir chegar a sua primeira final da Champions League? 996 milhões de euros (mais de 6 bilhões de reais).

Os primeiros investimentos

O clube possui uma hegemonia em seu país. Só no Campeonato Francês são sete títulos seguidos em nove anos. E esse domínio veio com vários investimentos. O vice-campeonato na temporada 2011-12 veio com as seguintes contratações:

  • Javier Pastore – € 42,5 milhões
  • Motta – € 11,5 milhões
  • Gameiro – € 11 milhões
  • Maxwell – € 3,5 milhões

Primeiro título da nova gestão do PSG

No ano seguinte o time conseguiu o título da Ligue 1, mas com aumento do investimento:

  • Thiago Silva – € 42 milhões
  • Lucas Moura – € 40 milhões
  • Lavezzi – € 30 milhões
  • Ibrahimovic – € 21 milhões
  • Marco Verratti – € 12 milhões

Domínio na França

A diretoria seguiu investindo alto nas temporadas seguintes, sempre buscando ter sucesso na Champions League nos anos seguintes. Vários sul-americanos foram contratados pelo PSG. Dentre as principais contratações podemos citar:

  • Cavani – € 64,5 milhões
  • Di María – € 63 milhões
  • David Luiz – € 49,5 milhões
  • Julian Draxler – € 36 milhões
  • Marquinhos – € 31,4 milhões
  • Guedes – € 30 milhões
  • Jesé – € 25 milhões

A era “Neymar/Mbappé”

O investimento das demais temporadas não se compara ao que o clube fez recentemente. As contratações de Neymar e Mbappé superaram o investimento anterior. Quase meio milhão de euros foi investido na contratação dos dois craques. E o clube precisou investir muito mais para montar um time para poder dar suporte aos dois atacantes:

  • Neymar – € 222 milhões
  • Mbappé – € 145 milhões
  • Icardi – € 50 milhões
  • Idrissa Gueye – € 30 milhões
  • Sarabia – € 18 milhões
  • Keylor Navas – € 15 milhões

Futuro do PSG

Caso o time consiga o título da Champions League é bem provável que muitos que o investimento valeu a pena.

Seria apenas a segunda conquista do título da principal competição europeia por um clube francês, sete anos depois da conquista do Olympique de Marseille (1992-93).

Já um vice-campeonato pode fazer como que o time mantenha o perfil de grandes investimentos para a próxima temporada, buscando finalmente conquistar o título.

LEIA MAIS:

Muricy Ramalho exalta foco de Neymar em dar volta por cima na carreira: “É o melhor do mundo

Torcedores do PSG tomam ruas de Paris após classificação à final da Champions; assista

Di María vibra com classificação do PSG e manda recado para Neymar: “Juntos e festejando”