Renato culpa falta de entrosamento em derrota no Chile e pede calma

O Grêmio não teve uma noite feliz nessa quarta-feira (17), em Santiago, no Chile, e perdeu a primeira partida do time de Renato na Libertadores em 2020

Andressa Fischer
Gaúcha, 22 anos | Escrevo sobre vôlei, futebol feminino e dupla Gre-Nal.

Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Desfalcado e sem conseguir criar chances claras de gol, o Grêmio foi encurralado pelo Universidad Católica e saiu de campo amargurado pelo resultado negativo de 2 x 0 no placar.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

Os gaúchos ainda perderam peças importantes no andamento da partida, como no lance do primeiro gol dos chilenos, quando Geromel sentiu lesão e precisou ser substituído por Rodrigues.

Na entrevista coletiva após a derrota, Renato elogiou o adversário e citou a pior atuação da equipe gaúcha em seu comando. No entanto, o treinador culpou a falta de entrosamento dos jogadores em campo e enalteceu o elenco gremista.

“Sob meu comando, no ano, foi nossa pior atuação. E foi a melhor atuação da católica do ano, nada certo para gente, tudo certo pra eles […] O Grêmio é uma grande equipe, um grande elenco, chega para todas as competições, na Libertadores não vai ser diferente”, afirmou.

Sem tempo para lamentar o revés, o Tricolor recebe o Palmeiras pelo Brasileirão no domingo (20), às 16h, e no meio da próxima semana, encara o Internacional, no Beira-Rio, às 21h30min, de quarta-feira (23).

“Pecamos devido à falta de entrosamento dos jogadores […] Muita calma agora, pensar, trabalhar, tentando recuperar nossos jogadores que estão no departamento médico”, completou.

*Hora de Brasília-DF

LEIA MAIS

Universidad Católica domina e Grêmio vai desfalcado para o Gre-Nal