Quantos torcedores cada estádio do Brasileirão poderá receber com a liberação de 30% da CBF?

Ministério da Saúde aprovou pedido da CBF para liberação de torcedores

Matheus Camargo
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/Corinthians

O Ministério da Saúde aprovou nesta terça-feira (22) o pedido da CBF para que sejam liberados os estádios para o retorno dos torcedores em jogos no futebol brasileiro.

A solicitação é para uma liberação de 30% da capacidade, em números que podem mudar dependendo da atual fase da pandemia em cada local.

Com isso, o Torcedores calculou quantos torcedores cada estádio poderá receber com a nova medida tomada pela CBF. Veja abaixo:

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Maracanã
Casa do Flamengo e do Fluminense no Brasileirão, o Maracanã tem capacidade de 78.838 espectadores. Com os 30% liberadores pela CBF, 23.651 torcedores poderão estar presentes nos jogos.

Morumbi
Casa do São Paulo, o Morumbi tem lotação máxima de 66.795 pessoas. Agora, poderá receber 20.038 torcedores.

Castelão
A casa de Ceará e Fortaleza no Brasileirão tem capacidade para 63.903 pessoas. Com 30%, estaria apto a receber 19.170 torcedores.

Mineirão
O estádio tem recebido os jogos do Atlético-MG e tem capacidade para 62 mil pessoas. Agora, com 30%, pode receber 18.600 torcedores.

Arena do Grêmio
A casa do Tricolor gaúcho é capacitada a receber 60.504 pessoas. Com 30%, pode receber agora 18.151 torcedores.

Allianz Parque
O estádio do Palmeiras é capacitado para receber 55 mil pessoas. Com a liberação, pode receber 16.500 torcedores.

Arena Fonte Nova
Casa do Bahia nos principais jogos, a Fonte Nova tem capacidade máxima de 51.614 pessoas. Com 30%, pode funcionar com 15.484 torcedores.

Beira-Rio
Casa do Inter, o Beira-Rio tem capacidade máxima de 50.842 torcedores. Com a liberação de 30%, poderá receber 15.252 pessoas.

Neo Química Arena
A casa do Corinthians tem capacidade para 49.205 espectadores. Com a liberação, pode receber 14.751 pessoas.

Nilton Santos
Casa do Botafogo no Brasileirão, o Nilton Santos tem capacidade para 46.831 pessoas. Com a liberação, poderá receber 14.049 torcedores.

Arena da Baixada
A casa do Athletico Paranaense comporta até 42.372 torcedores. Agora, com a medida da CBF, pode receber até 12.711 pessoas.

Couto Pereira
O estádio do Coritiba tem a capacidade para comportar 40.502 torcedores. Com a liberação, poderá receber até 12.150 pessoas.

Ilha do Retiro
A casa do Sport tem capacidade máxima para 35.020 pessoas. Com a nova medida da CBF, funcionaria com 30% comportando 10.506 torcedores.

Pituaçu
Quando a Fonte Nova está indisponível, Pituaçu se torna a casa do Bahia e pode receber até 32.517 torcedores. Com 30%, comportaria 9.647 pessoas.

São Januário
A casa do Vasco recebe 21.880 torcedores por jogo. Com a liberação, poderá receber 6.564 pessoas.

Vila Belmiro
O estádio do Santos tem capacidade para 16.068 torcedores. Com 30%, é capacitado para receber 4.820 pessoas.

Olímpico de Goiânia
A casa do Atlético-GO no Brasileirão tem capacidade para 13.500 pessoas. Com a liberação, receberia 4.050 torcedores.

Serrinha
Menor estádio do Brasileirão, a casa do Goiás comporta 12.500 pessoas em capacidade máxima. Com 30%, funcionaria com 3.750 torcedores.

Leia mais:
Brasil pode ter oito jogos das Eliminatórias sem transmissão; veja quais