Home Extra FIFA quer diminuição da idade de jogadores para transferências; CBF é contra

FIFA quer diminuição da idade de jogadores para transferências; CBF é contra

Idade atual é de 18 anos, mas pode mudar

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016. Radialista na Paiquerê 91,7.

A FIFA tem feito sondagens para tentar diminuir a idade mínima para transferências internacionais de atletas nos próximos anos, conforme publicou o blog Dinheiro FC, do jornal O Globo.

PUBLICIDADE

A entidade deseja reduzir o limite de 18 anos para 16 anos, o que levaria jogadores mais cedo para fora de seus países de origem.

Ainda segundo o blog, a proposta tem sofrido resistência de países periféricos. O Brasil, por meio da CBF, é contrário à redução da idade, já que historicamente o país fornece atletas para o futebol do exterior e poderia ver jogadores sendo formados diretamente na Europa, já que iriam antes mesmo da profissionalização.

PUBLICIDADE

Alguns casos simbólicos de atletas que não puderam jogar pela idade foram protagonizados nos últimos anos. O atacante Alexandre Pato, por exemplo, foi contratado pelo Milan junto ao Internacional quando tinha apenas 17 anos, no início de 2007. Como só completava 18 em setembro do mesmo ano, Pato teve que esperar vários meses até poder jogar pela equipe italiana, já que a FIFA não permite até hoje esse tipo de transferência com menores de idade.

Outro caso semelhante é ainda mais recente e foi com Vinicius Junior, contratado pelo Real Madrid em maio de 2017, ainda antes de completar 17 anos. O clube merengue decidiu mantê-lo no Flamengo até julho de 2018, quando atingiu a maioridade e pôde defender a equipe espanhola.

Leia mais:
CBF autorizou realização de partida com jogadores com sintomas de Covid-19

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial