Leitura labial aponta ofensa de árbitro após expulsão na Série B: “Filho da p…”

Caso ocorrido no clássico entre Avaí e Figueirense está sendo julgado pelo STJD

Marcel Thomé
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Reprodução/SporTV

A defesa do zagueiro Alemão, do Figueirense, expulso no clássico contra o Avaí, utilizou leitura labial em um vídeo para mostrar que o árbitro Rafael Traci xingou e ainda o chamou para briga após expulsar o defensor. As imagens foram exibidas ao STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) nesta quarta-feira (28) em sessão realizada por videoconferência.

Na gravação, um profissional em leitura labial analisa as palavras ditas pelo árbitro, enquanto as proferidas pelo atleta são “ilegíveis”, de acordo com a defesa.

“A todo momento ele me dizia ‘vem para cima, me dá cabeçada’. Eu sou um ser humano e estava em um momento de nervosismo. Eu fiquei de frente para ele, cara a cara, e não agredi em momento algum. Sequer peitei ele. O que eu queria, a todo momento, era chamar a atenção dele para a falta não marcada”, disse Alemão durante a sessão com o STJD.

Acompanhe as notícias do seu time do coração pelo Facebook

O resultado do julgamento do caso será divulgado na próxima quarta-feira (4) pela 3ª Comissão Disciplinar do STJD.

Juiz negou acusação de zagueiro do Figueirense

Em entrevista à Rádio CBN Diário, Rafael Traci  se defendeu e negou que tenha xingado ou chamado Alemão para a briga no gramado.

“Ele (Alemão) pode dizer o que ele quiser. A atitude dele foi vista por todos. Jamais iria chamar alguém para a briga. Ridícula essa acusação por parte dele. Você acha que eu teria algum tempo de dizer algo? Não, né. Ele quer diminuir o que ele fez me acusando. Aí é golpe baixo. Ele tem que assumir o que fez. Todos nós somos homens e adultos o suficiente. Estou muito tranquilo em relação a isso”, afirmou o árbitro da CBF.

Confira o vídeo de defesa do zagueiro Alemão contra o árbitro Rafael Traci:

LEIA MAIS: