Mesma prateleira? Jornalista coloca Zico e Neymar como semelhantes na Seleção

Camisa 10 do PSG é o vice-artilheiro histórico do Brasil

Matheus Camargo
Colaborador do Torcedores.com.

A chegada de Neymar à vice-artilharia histórica da Seleção Brasileira, ultrapassando Ronaldo Fenômeno, levantou discussões na mídia esportiva sobre o tamanho do camisa 10 para a equipe nacional.

O novo debate foi feito no BB Debate, da ESPN Brasil, para inserir Neymar em alguma prateleira de ídolos da Seleção Brasileira. O jornalista e professor Celso Unzelte tratou de tirar o ex-Santos do topo, inserindo quatro ídolos campeões do mundo à sua frente, mas o inseriu em uma segunda prateleira.

“Pelé, Garrincha, Ronaldo e Romário estão em outro patamar com a camisa da Seleção, mas o Neymar já está brigando com o Zico, principalmente em termos de Seleção Brasileira”, disse Unzelte, citando o maior ídolo da história do Flamengo.

Acompanhe as notícias do seu time pelo Facebook

“O Zico, porém, mudou a história de um clube de futebol. Ele fez com o Flamengo o que o Pelé fez com o Santos e o que o Leônidas fez com o São Paulo, guardadas as devidas proporções de cada época.”

O jornalista da ESPN lembrou as críticas a Zico na Seleção. Ainda segundo ele, outros craques históricos estariam no mesmo patamar.

“O reconhecimento ao Zico na Seleção é retroativo. O Zico era contestado na Copa de 1978, por exemplo. Talvez o Neymar também tenha um reconhecimento retroativo e seja colocado no mesmo patamar daqueles que não ganharam Copa mas que foram importantes. É bastante colocar ele no patamar do Zico já, do Zizinho (vice-campeão em 1950), Friedenreich (não disputou Mundiais), qualquer outro que não ganhou Copa com o Brasil e jogou muito.”

Neymar tem 64 gols e é o vice-artilheiro da Seleção Brasileira em todos os tempos, atrás apenas de Pelé, que tem 77 gols oficiais. O jogador conquistou duas medalhas olímpicas, a prata em Londres-2012, e o inédito ouro, no Rio-2016. Além disso foi campeão da Copa das Confederações em 2013.

Zico tem 48 gols e é o 6º na artilharia da Seleção Brasileira. O ídolo do Flamengo não conquistou títulos oficiais pela equipe nacional.

Leia mais:
Palmeiras x Coritiba: Luxemburgo faz duas substituições em pausas diferentes no 1ºT e ninguém entende; assista