Remo estende vínculo de mais 7 jogadores e assina contrato profissional de dupla da base

Time azulino mantém base do elenco para o restante do Brasileirão Série C

Octávio Almeida Jr
Jornalista graduado pela Universidade da Amazônia (UNAMA), 27 anos.Repórter de campo pela Rádio Unama FM em duas finais de Campeonato Paraense (anos 2016 e 2017).

Crédito: Samara Miranda/ascom Remo

O Clube do Remo segue mantendo jogadores para o restante do Brasileirão Série C 2020. Desta vez, o Mais Querido conseguiu a prorrogação de contrato de mais sete profissionais. São eles, o goleiro Thiago, os zagueiros Mimica, Kerve e Rafael Jansen, além dos meios-campistas Eduardo Ramos, Charles e Gelson.

As extensões de vínculo foram publicadas no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF entre terça (13) e quarta-feira (14). O clube azulino, anteriormente, já havia conseguido a manutenção de outros quatro atletas.

As renovações ocorrem após o futebol brasileiro ser paralisado em virtude da eclosão da pandemia do coronavírus. O fenômeno forçou mudanças no calendário da Série C.

Acompanhe as notícias do seu time pelo Facebook

O torneio nacional será disputado até o dia 31 de janeiro de 2021. O Remo, nos próximos dias, deve prorrogar mais contratos e oficializar a dispensa de outros jogadores.

Dupla da base assina contrato profissional

Além de prorrogar o contrato de alguns atletas, o Remo promoveu, definitivamente, dois jogadores da base para o elenco profissional: o zagueiro Fábio e o atacante David Lima.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

As assinaturas dos vínculos foram regularizadas nesta quarta (14). Fábio e David Lima têm 19 anos e fizeram parte do elenco bicampeão estadual, no ano passado.

Remo assina contrato com dupla da base

 

Veja a seguir os jogadores que o Remo já prorrogou contrato:

Goleiros: Thiago

Zagueiros: Mimica, Kerve, Rafael Jansen e Fredson

Laterais: Dudu Mandai

Meios-campistas: Eduardo Ramos, Charles, Gelson e Carlos Alberto

Atacantes: Gustavo Ermel

Leia também:

Bonamigo: “temos uma missão muito acima do que vencer os jogos”