CBF estuda instalar câmeras na linha do gol para o Brasileirão 2021

VAR não tem equipamento adequado para isso em 2020

Matheus Camargo
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Reprodução/UOL Esporte

O gol do São Paulo sobre o Goiás no último sábado (8), pelo Brasileirão, em que há uma dúvida se a bola ultrapassou ou não a linha do gol, gerou discussão e foi descoberto que o VAR da CBF não tem a tecnologia própria posicionada para atuar em casos como este, conforme publicou o blog do Rodrigo Mattos, do UOL.

O Goiás protestou contra a entidade e principalmente contra a comissão de arbitragem, já que se sentiu prejudicado, mas nada pôde ser feito pelo VAR na jogada.

Agora, segundo o blog publicou, a CBF estuda a instalação de câmeras extras para auxiliarem em jogadas semelhantes para o Brasileirão 2021. No gol do São Paulo, a visão final foi dada pelo bandeirinha que corria pela lateral do gramado.

Desde a instalação do VAR no Brasil, as imagens utilizadas pelo equipamento são das câmeras de televisão, que podem ir de 8 a 25 dependendo da partida. A ideia é instalar novas câmeras para que não existam dúvidas em lances do tipo.

Assista ao gol de Brenner:

No lance, o atacante do São Paulo cabeceia e o goleiro Tadeu executa importante defesa, mas o árbitro auxiliar vê a bola ultrapassar a linha do gol antes do arqueiro tirá-la.

Leia mais:
Calendário, desfalques e culpa para Tite: times brasileiros seguem sendo desfalcados pela Seleção

De fuga e insegurança a destaque e titularidade: como Patrick de Paula saiu de comunidade no RJ para se tornar peça-chave no Palmeiras