Com Covid-19, Renato Moicano tem luta no UFC adiada

Lutador enfrentaria cazaque neste sábado (28) mas duelo foi adiado para dezembro, no UFC 256

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Reprodução/Facebook Oficial UFC

Mais uma vez a Covid-19 atrapalha os planos do UFC para seus eventos. Agora o caso é do brasileiro Renato Moicano, que acabou contraindo a doença e acabou retirado do evento deste final de semana, onde lutaria contra o cazaque Rafael Fiziev.

O Punchline MMA foi o primeiro site a revelar o acontecimento, posteriormente confirmado pelos sites especializados e o Globoesporte.com. Moicano já havia demonstrado sintomas de gripe nos últimos dias e na sexta-feira (20) passada, passou pelos testes que confirmaram a presença da Covid-19.

Mesmo com o teste positivo, o brasileiro não ficará sem sua luta. O Ultimate planeja remanejar a luta contra Fiziev para o dia 12 de dezembro, quando acontecerá o UFC 256. Tal mudança ainda está pendente de confirmação oficial por parte do Ultimate.

Renato Moicano vem de vitória em cima de Damir Hadzovic, em março deste ano. Tal vitória parou a sequência negativa que teve ao perder para José Aldo e Chan Sung Jung, o ‘Zumbi Coreano’.  São seis vitórias e três derrotas do brasileiro no UFC.

Já Fiziev vem de duas vitórias, em cima de Alex White e Mark Diakese. Foram apenas três lutas do cazaque radicado no Quirguistão, com uma derrota e duas vitórias.

LEIA MAIS

Valentina Shevchenko pede luta contra Jéssica Bate-Estaca

(Crédito da foto: Reprodução/Facebook Oficial UFC)