Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Com salários atrasados na China, Alan Kardec estuda ir a FIFA para rescindir contrato

Alan Kardec tem contrato com o Chongqing Lifan até dezembro de 2022

Wilson Pimentel
Jornalista esportivo desde 1998. Cobriu os principais eventos esportivos da última década. Passou pelas redações do SBT, Record TV, CNT, Esporte Interativo, Rádio Tupi, Rádio Brasil e Rádio Manchete. É correspondente de veículos de comunicação da Colômbia, Croácia, Paraguai e Portugal. Está no Torcedores.com desde 2019.

Crédito: Divulgação/ Chongqing Lifan

O atacante Alan Kardec estuda acionar a FIFA para rescindir seu contrato com o Chongqing Lifan, da China, por causa de salários atrasados. De acordo com o jornal português “Record”, o jogador não recebe há cinco meses e já notificou recentemente o clube. O atleta tem contrato até dezembro de 2022.

Aniversário CLUBE EXTRA

Clique e veja as melhores promoções!

Siga o Torcedores também no Instagram

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!

A paralisação no futebol provocada pelo novo coronavírus (Covid-19) potencializou a crise financeira no Chongqing Lifan. O presidente do clube, Jiang Lizhang, admitiu que está encontrando dificuldades no momento para quitar os salários atrasados com os jogadores. Afinal, o faturamento caiu em 75% durante a paralisação.

Ainda segundo a reportagem, a falta de pagamento gerou um desentendimento entre o grupo de jogadores e a diretoria. Isto porque os atletas cogitaram fazer uma greve para protestar contra os salários atrasados após o clube perde o apoio da SWN Motors, maior patrocinador do Lifan, empresa do ramo automobilístico.

A FIFA determina que um clube não pode ficar mais de dois meses sem pagar um jogador. Caso isso aconteça, o jogador pode acionar o seu empregador na entidade. Se Alan Kardec acionar a entidade máxima do futebol, a ideia é voltar ao mercado brasileiro. Recentemente, Corinthians, Grêmio, Internacional e Santos demonstraram interesse no centroavante.

Chongqing Lifan tem, além de Alan Kardec, outros três brasileiros: Marcinho (ex-Fortaleza e Internacional), Fernandinho (ex-Grêmio) e Marcelo Cirino (ex-Athletico Paranaense e Flamengo). Juntos, os atletas representam quase 50% da folha salarial do clube. Eles, nesse ínterim, receberam apenas os vencimentos de janeiro, fevereiro, março, abril e maio.

Alan Kardec na China

Revelado pelo Vasco, Alan Kardec acumula passagens pelo Internacional, Santos, Palmeiras e São Paulo. No exterior, o artilheiro também defendeu o Benfica, de Portugal, onde não deixou saudades no torcedor encarnado. Posteriormente, ele se transferiu para o Chongqing Lifan na temporada de 2016.

Por lá, o centroavante disputou 105 partidas e marcou 55 gols. Apesar de não ter conquistado um título pelo clube, ele é considerado ídolo da torcida. Além disso, o brasileiro se consolidou como um dos melhores jogadores em atividade na China.

As melhores notícias de esportes, direto para você

    

 

LEIA MAIS: