Consoles e acessórios de games têm baixa nos preços após redução de impostos

Comunidade Gamer Feminina explica como funciona a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para o setor de games

Papo de Mina
O "Papo de Mina" é um projeto independente de jornalismo, que visa fortalecer a presença da mulher no ambiente esportivo e em todas as áreas da comunicação. Neste espaço você vai ler, ouvir e ver mulheres que vivem o esporte, mas que também falam sobre diversos assuntos. Nos siga nas redes sociais e acompanhe!

Crédito: Divulgação/Xbox

Por Thaina do Nascimento e Nina Parreiras, da CGF

Quem é aficionado pelo mundos dos games muitas vezes sofre com os valores dos produtos. Em função dos impostos, consoles, peças, acessórios e demais itens relacionados chegam ao consumidor bastante caros.

Uma boa notícia, porém, chegou em 26 de outubro. O governo reduziu novamente as alíquotas de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados). Os números baixam de 40% para 30% sobre consoles e máquinas de jogos de vídeo, e de 32% para 22% sobre partes e acessórios destes consoles e máquinas.

Preços dos Xbox

Prestes a fazer o lançamento dos novos consoles de Xbox,  a Microsoft divulgou de forma oficial novos preços para os consoles Xbox Series X e  Xbox Series S no Brasil e já levou em consideração essa ação do governo.

A empresa informou que quem fizer a compra na pré-venda deve  entrar em contato com as lojas para que cada caso seria avaliado individualmente. Mediante as mudanças, as lojas varejistas, passaram a divulgar como iriam lidar em relação a devolutiva do valor.

Para o Xbox Series X a diferença é de R$400,00, e no caso do Xbox Series S,  a diferença é de R$200,00 – o que, para muitos, é um grande respiro na hora de comprar o console, já que o preços dos consoles por aqui se equivalem ao de moto popular, enquanto os jogos custam quase a metade de um salário-mínimo.

Siga a #CGF!