Arnaldo Ribeiro critica diretoria do Flamengo por celeuma com arbitragem de São Paulo 3×0 Flamengo: “Time se tornou muito mais frágil do que era”

Na visão do comentarista do SporTV, celeuma por conta da arbitragem em São Paulo x Flamengo é cortina de fumaça para erros da dirigência

Willian Ferreira
Colaborador do Torcedores.com e contador de histórias do esporte.

Crédito: Twitter/Reprodução

Não foi apenas a eliminação do Flamengo na Copa do Brasil 2020 que se tornou motivo de críticas. Em live no canal Arnaldo e Tironi, mantido pelos jornalista Arnaldo Ribeiro e Eduardo Tironi no Youtube, outros tópicos ligados ao Rubro-Negro também fora debatidos.

Um deles foi a pressão feita por dirigentes do Flamengo na arbitragem. Comandada por Wilton Pereira Sampaio, o clube buscou a troca na escala por outro juiz de campo. Na visão rubro-negra, o homem do apito apitou de maneira desfavorável o duelo contra o Internacional, no dia 25 de outubro. A peleja foi válida pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro 2020. Arnaldo Ribeiro ironizou a situação. “Em relação ao tal dossiê da arbitragem, a pressão foi tal que você sabia que ia ter um pênalti de VAR para o Flamengo. Vai bater na mão, na unha… vai ter”, comentou.

Fragilidade

Na visão de Arnaldo Ribeiro, o Flamengo de 2020 perdeu parte do encanto e da efetividade após a saída de Jorge Jesus da equipe. “Tem uma série de problemas recentes que a atual diretoria, com esse dossiê da arbitragem, tá colocando de lado. A troca de treinador é polêmica. O goleiro que joga sem contrato com um racha na diretoria é polêmico. O departamento médico que não consegue recuperar jogador é polêmico. E, na verdade, o time se tornou muito mais frágil do que era. É favorito pra derrotar o Racing na Libertadores? Não acho”, disparou, citando a terceira competição disputada pela equipe.

Acompanhe as notícias do seu time do coração pelo Facebook

LEIA MAIS
Rogério Ceni surpreende: “Fiz o mesmo trabalho no Fortaleza e no São Paulo”
Bruno Alves celebra boa fase no São Paulo: “Melhor ano da carreira”
No Twitter, São Paulo comemora 25 anos do bicampeonato Mundial de Clubes