Renato evita preferência na semi, brinca sobre recuperação de Leo Gomes e não revela trabalho com jovens: “Vou ensinar os outros?”

Confira mais detalhes da coletiva de imprensa do técnico Renato Portaluppi nesta quarta-feira

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Satisfeito com a classificação à semifinal da Copa do Brasil, corroborada com a vitória de 2×0 desta quarta diante do Cuiabá, na Arena, o técnico Renato Portaluppi evitou declarar torcida para a semi – mais tarde, São Paulo e Flamengo se enfrentam no Morumbi e a vantagem é dos paulistas, que fizeram 2×1 na ida.

“O São Paulo também tem um grande plantel. O mais importante é que o Grêmio fez a parte dele. Agora, eles (SP e Flamengo) vão decidir. São dois grandes grupos. Qualquer um que passar, o Grêmio vai ter dificuldades”, disse Renato, antes de concluir:

“O mais importante é que nos dias 23 e 30 de dezembro, o Grêmio vai estar lá na semifinal (da Copa do Brasil)”.

Acompanhe as notícias do seu time do coração pelo Facebook

Leonardo Gomes

Titular da lateral-direita durante 2019, Leonardo Gomes segue afastado do elenco e recentemente completou um ano inteiro sem jogar. Foram duas cirurgias no joelho direito. A primeira de reconstrução do ligamento cruzado e a segunda, já em maio deste ano, para corrigir uma fratura patelar. Atualmente, o jogador segue fazendo exercícios acompanhado pelos fisioterapeutas do clube para voltar.

E, claro, foi alvo da corneta do treinador:

“O Leonardo (Gomes) a cada dia vem fazendo exercícios diferentes, tem se sentido bem. Eu brinco com ele, que só falta ele levar a cama e o roupeiro para dormir lá no Departamento Médico. Está na hora de sair de lá. É o próprio jogador que vai nos dar a resposta de quando poderá voltar”, comentou o treinador.

Renato evita dar a estratégia correta para lançar jovens

Mais uma vez, o Grêmio entrou em campo repleto de jovens jogadores e contou com muitos atletas egressos da base para bater o Cuiabá, casos de Darlan, Matheus Henrique, Jean Pyerre, Pepê, Ferreira e Isaque.

Mas o técnico gremista não quis “ensinar” os adversários sobre a melhor estratégia para usar os garotos:

“Eu sei de quê forma tem que soltar os garotos, e a prova está aí. Mas não vou falar muito, se não vou ter que ensinar outros profissionais a trabalhar. Cada treinador tem seu modo de trabalhar, e eu tenho o meu. Os resultados estão aí nesses quatros anos e em todos os garotos que lançamos nesse tempo”, finalizou.

Confira os gols de Grêmio 2×0 Cuiabá:

LEIA MAIS:

Presidente do Inter aponta erro do juiz no último Gre-Nal e minimiza jejum no clássico: “Estamos na frente desde 1945”

Caetano nega ter “trocado farpas” com Eduardo Coudet, e presidente do Inter se manifesta sobre polêmica

Galhardo desabafa após expulsão, relembra histórico e discorda de árbitro: “Estou muito chateado”

Siga o autor:

No YouTube

No Instagram