Após derrota, Shogun tem aposentadoria pedida por Dana White

Maurício Shogun foi derrotado por Paul Craig no último final de semana no UFC 255

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Divulgação/Facebook UFC Brasil

Uma das maiores lendas da história do MMA, Maurício Shogun foi derrotado por Paul Craig no sábado (21) pelo UFC 255, em  Las Vegas. Foi a 12ª derrota da carreira para o brasileiro, que já havia enfrentado o lutador escocês e empatado o primeiro combate entre ambos.

E a derrota do brasileiro não agradou a Dana White. O chefão do UFC disse em entrevista ao Combate, que espera que o ex-campeão do UFC e do Pride se aposente, citando o caso recente de Anderson Silva.

“Shogun é um Hall da Fama do UFC, uma lenda do esporte, uma lenda do Brasil. O que mais que ele tem que provar? E o mais louco disso é o caso dele não é nem como o do Anderson Silva, que perdeu algo como oito de nove lutas. Ele perdeu uma entre várias, mas esta noite ele pareceu velho. Gostaria que o Shogun se aposentasse”, declarou White.

“Odeio fazer isso depois do que aconteceu com o Anderson. Eu amo o Shogun, ele é um dos caras mais fortes do mundo e está neste esporte há muito tempo. Ele esteve em muitas batalhas nos últimos tempos, muitas guerras. Esqueça o começo de carreira, agora é hora dele se aposentar”, completou.

A derrota para Craig quebrou uma série de três lutas sem perder do brasileiro, com o próprio empate para o escocês e vitórias sobre Tyson Pedro e Rogério Minotouro.

LEIA MAIS

Deiveson Figueiredo dispara contra futuro rival: “Estou magoado com ele”

(Crédito da foto: Divulgação/Facebook UFC Brasil)