Disney acaba com os canais Fox em fevereiro, mas manterá Fox Sports até o fim de 2021, diz site

Empresa norte-americana também vai lançar uma plataforma de streaming e vai transmitir eventos esportivos ao vivo na internet

Octávio Almeida Jr
Jornalista graduado pela Universidade da Amazônia (UNAMA), 27 anos.Repórter de campo pela Rádio Unama FM em duas finais de Campeonato Paraense (anos 2016 e 2017).

Crédito: Reprodução

O Grupo Disney definiu o futuro e vai acabar com os canais da Fox a partir de fevereiro de 2021. Eles passarão a se chamar Star. A medida é uma espécie de ‘aquecimento’ para o serviço de streaming da empresa norte-americana que tem o lançamento previsto para junho do ano que vem.

A mudança, contudo, não vai afetar o canal FX (que vai ter o nome preservado), além dos canais Fox Sports que precisam ser mantidos até o dia 31 de dezembro de 2021.

“Desta forma, Star dará continuidade ao legado de sucesso da Fox, já consolidado por muitos anos, e também adicionará outras inovações”, avalia Diego Lerner, presidente da The Walt Disney Company Latin América.

“The Walt Disney Company Latin América, portanto, confirma sua missão de atingir todos os segmentos e públicos com conteúdo relevante em toda a gama de entretenimento audiovisual”, completa Lerner.

Mesmo com as mudanças, séries como Os Simpsons, The Walking Dead e This Is Us (todas produzidas pela Fox) vão continuar na programação.

Streaming para o público adulto

A Disney ainda prepara o lançamento do Star+, plataforma de streaming voltado para o público adulto. Conforme o site Notícias da TV, o canal online vai ter filmes e séries, mas um diferencial em relação à concorrência: a transmissão de eventos esportivos ao vivo.

O novo aplicativo, entretanto, será exclusivo para o mercado latino. A marca Star será integrada à plataforma Disney+ nas seguintes regiões do planeta: Estados Unidos, Canadá, Austrália e Europa.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

Além disso, o programa esportivo Sportscenter poderá ser assistido mediante a plataforma, assim como conteúdos voltados para o futebol, além de torneios de tênis.

Leia também:

Disney pede a funcionários que desconfiem das notícias sobre a fusão ESPN/Fox Sports, diz colunista