Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Felipão avalia cenário atual do Cruzeiro: “Desanimador”

A Ponte Preta venceu o Cruzeiro e dificultou ainda mais as chances de acesso do time de Felipão

Jeferson Macedo
Colaborador do Torcedores.com.

Foto: Reprodução

O Cruzeiro sofreu mais uma derrota no Campeonato Brasileiro da Série B. O time mineiro perdeu de 2×1 para a Ponte Preta na última terça-feira (22), e viu as chances de voltar à primeira divisão nacional diminuírem cada vez mais.

Ao final da partida, o técnico Felipão lamentou a derrota e disse que o cenário atual do Cruzeiro é desanimador para todo mundo.

“É desanimador para todo mundo, para torcedor, para os jogadores e para o técnico, principalmente”, disse.

Felipão ainda comentou sobre a partida e disse que o Cruzeiro tem perdido nos detalhes e criticou a falta de atenção do time.

“Em outros dias estivemos melhores e em algumas oportunidades estivemos em situação bem melhor, criamos algumas chances mais, mas hoje foi isso que aconteceu. A gente tem perdido os jogos em questões de detalhes, posicionamentos, atenção que não estamos tendo em determinados lances e pagamos o preço mais caro”, afirmou

Por fim, Felipão elogiou o desempenho da Ponte Preta que, segundo ele “dificultou” as coisas para o Cruzeiro.

“Nós pecamos porque tínhamos adversário do outro lado também. Eles também fazem o jogo tentando ganhar, se colocam em situações que não nos dão oportunidades, e perdemos. Não adianta procurar, explicar a vocês (imprensa), tenho que explicar aos jogadores, melhorar a situação dos meus atletas, para que a gente possa ter atuações como já tivemos. Nós queremos fazer dois, três gols. A questão é que não conseguimos, e além disso, o adversário tem jogadores que dificultam nossa situação”, finalizou

VEJA TAMBÉM:

Apenas 3 times brasileiros eliminaram o Boca Juniors na Libertadores

Héber Roberto Lopes revela time do coração, jogo mais difícil que apitou e jogador mais ‘exigente’

Árbitro de Flamengo x Bahia quebra o silêncio e fala sobre possível caso de racismo na partida

Presidente do Grêmio vê São Paulo favorito, Renato discorda: “Os dois times estão bem”