Sayonara: Keisuke Honda pede rescisão de contrato com o Botafogo; saiba os detalhes!

Honda tem proposta para trocar o Botafogo pelo Portimonense, de Portugal

Wilson Pimentel
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Vitor Silva /Botafogo

Keisuke Honda negocia sua saída do Botafogo. De acordo com a “Rádio Tupi”, o camisa 4 comunicou ao clube o desejo de rescindir seu contrato, que vai até fevereiro de 2021, por motivos familiares.

Siga o Torcedores também no Instagram

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva

O clube conversa com o jogador para alinhar o distrato. Com isso, o astro japonês deve rescindir contrato nos próximos dias e acertar com outro clube. O que facilitou o acordo entre Botafogo e Honda é a ‘boa vontade’ de ambas as partes.

O Torcedores.com apurou que a diretoria alvinegra aceita rescindir com o jogador da maneira que o meia desejar, sem fazer restrições. A postura dos dirigentes é uma espécie de retribuição pelo profissionalismo demonstrado enquanto vestiu a camisa do clube.

Segundo fontes ouvidas pela reportagem, o Botafogo aponta que Honda vai abrir mão dos valores que tem a receber, além de luvas atrasadas. O clube calcula economizar R$ 300 mil, entre salários e bônus, se contado o vínculo até o ano que vem.

Honda, por sua vez, aceitou o acordo para ficar livre sem impor dificuldades. No entanto, o jogador solicitou que a rescisão contratual seja homologada na CBF nos primeiros dias do ano. Afinal, o meia negocia sua ida para o Portimonense, de Portugal.

Honda no Botafogo

Contratado em fevereiro de 2020, Keisuke Honda disputou 27 partidas pelo Botafogo, marcou três gols e ficou 2.038 minutos em campo. Ele chegou ao clube com a missão de liderar o jovem elenco nesta temporada. No entanto, fracassou na tentativa de ser o símbolo alvinegro nesta temporada.

Porém, o japonês não conseguiu se consolidar como um grande líder. Além disso, o meia não correspondeu às expectativas dentro de campo. Nesse ínterim, acumulou más atuações e muitas críticas do torcedor alvinegro.

No Campeonato Brasileiro, Honda venceu três das 18 partidas que disputou com a camisa alvinegra. Além disso, ele fez dois gols na competição nacional. O meia deixou sua marca nos confrontos contra o Sport Recife e o Ceará.

LEIA MAIS: 

Em reunião, Lucas Veríssimo pede para deixar o Santos e jogar no Benfica

Site elege Matheus Fernandes, Pablo Marí e Deyverson como uma das piores contratações do futebol em 2020

Atacante deixa o Flamengo e encerra passagem frustrante marcada por lesões