Weverton lamenta “infelicidade” do Palmeiras e diz: “A derrota não pode nos abater”

Goleiro do Palmeiras ressaltou “maratona” da equipe após a derrota para o Flamengo, no estádio do Maracanã

Rafael Brayan
Estudante de jornalismo. Colaborador especialista e editor-plantonista do Torcedores.

Crédito: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

O Palmeiras saiu derrotado pelo Flamengo por 2 a 0 no estádio do Maracanã, nesta quinta-feira (21), em duelo válido pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Apesar do resultado negativo, o time alviverde não deve abalar o time de Abel Ferreira.


Leia mais:

Flamengo derrota o Palmeiras com gol contra bizarro; assista ao lances
Polícia conclui inquérito e Dudu é inocentado de acusações de agressão


Em entrevista na saída de campo, Weverton afirmou “o trabalho está sendo muito bem feito”. “O trabalho está sendo muito bem feito, estamos no caminho certo. É uma derrota que não pode nos abater, tem muito trabalho pela frente, muita coisa grande. Agora é ter tranquilidade, administrar bem e pensar no próximo adversário, que é o Ceará”, disse o goleiro.

“Jogo difícil, truncado, de dois concorrentes que estão brigando pelo título. Criamos as oportunidades primeiro e não conseguimos fazer. O Flamengo foi mais feliz, fizeram o gol em uma infelicidade nossa. Quem toma o gol primeiro tem que correr mais, acaba se desorganizando mais. A gente vem de uma maratona também, correr mais e errado é sempre mais difícil”, analisou Weverton.