Canadá x Brasil: saiba onde assistir ao jogo pelo SheBelieves Cup AO VIVO

Em preparação para as Olimpíadas de Tóquio, seleção brasileira encerra sua participação no torneio internacional de futebol feminino

Adriano Oliveira
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Sam Robles/ Site oficial da CBF

Nesta quarta (24), a partir das 18h00 (horário de Brasília), Canadá e Brasil se enfrentam no Exploria Stadium, em Orlando, nos Estados Unidos, pelo torneio internacional de futebol feminino SheBelieves Cup.

Em preparação para os Jogos Olímpicos de Tóquio, a seleção brasileira fecha sua participação na competição após golear a Argentina por 4 x 1 e, na sequência, ser superada pelos Estados Unidos por 2 x 0. As canadenses vêm de duas derrotas pelo placar de 1 x 0 contra as mesmas equipes.

O revés diante da forte seleção norte-americana, anfitriã do torneio e atual campeã mundial, foi o segundo do Brasil em 15 partidas sob o comando da treinadora Pia Sundhage. Essa foi também a primeira vez em que a comandante sueca esteve na beira do campo dirigindo as brasileiras diante dos Estados Unidos.

As norte-americanas defendem uma série invcta de 36 partidas e precisam apenas de um empate no duelo contra a Argentina para conquistarem o título do SheBelieves Cup.

A provável escalação da seleção brasileira para enfrentar o Canadá em Orlando é a seguinte: Bárbara, Camilinha, Bruna Benites, Rafaelle e Tamires; Andressa Alves, Andressinha e Beatriz; Marta, Debinha e Ludmila.

Como assistir AO VIVO na TV e online

Canadá x Brasil será transmitido ao vivo e com exclusividade pelo SporTV, canal fechado que pertence ao Grupo Globo e pode ser adquirido por meio de um plano de TV por assinatura.

O assinante também pode assistir ao jogo ao vivo online pelo SporTV através do Canais Globo (ex-Globosat Play), que é uma plataforma de streaming compatível com dispositivos Android, iPhone (iOS) e navegadores de internet.

Basta acessar o site ou aplicativo do “Canais Globo” e preencher com os dados do cadastro na operadora de TV.

LEIA MAIS

Seleção Feminina faz jogo equilibrado contra os Estados Unidos, mas volta a sofrer com as escolhas de Pia Sundhage

Goleada sobre a Argentina não esconde os problemas coletivos da Seleção Feminina; entenda