Saraiva discorda da ausência de Renato em jogo do Grêmio no Equador: “Melhor ver de perto, não por relatório”

Treinador gremista Renato Portaluppi também ganhou folga e não acompanhou a delegação no Equador

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Reprodução

Será por alguma televisão no Rio de Janeiro, onde curte a sua folga nesta semana, que o técnico Renato Portaluppi acompanhará os garotos do Grêmio contra o Ayacucho, no Equador, nesta terça-feira, 21h30, pela volta da segunda fase da pré-Libertadores. A ausência do treinador foi acordada com a direção, mas criticada pelo comentarista da RBSTV e SporTV, Maurício Saraiva.

“O Renato está no Rio de Janeiro e eu diria que, no mundo ideal pra mim, o Renato iria ao Equador. O time titular não, mas o Renato sim. Por que? Primeiro, é Libertadores. É um jogo ainda de seletiva. Depois, você como treinador principal é muito melhor ver a reação dos meninos que você está dando chance estando perto. Reação no hotel, botando a chuteira, reação na beira de campo, enfim. Me parece que seria melhor acompanhar de perto, não por relatório”, disse o comentarista no Seleção SporTV.

Sem Renato, os jovens do Grêmio serão comandados pelo auxiliar Alexandre Mendes. Até mesmo uma derrota por quatro gols de diferença classifica o tricolor, que fez 6×1 na ida na Arena.

“Vai receber relatório dos melhores, pois o auxiliar Alexandre Mendes é ótimo profissional e outros que estão lá também são. O Renato, acertado com a diretoria, não foi ao Equador e o Grêmio está virtualmente classificado. Mas, pra mim, o treinador principal vai a jogo de Libertadores mesmo que tenha feito 10 a 1 no Ayacucho”, acrescentou Saraiva.

O vencedor desta qualificatória, que tende a ser o Grêmio, vai aguardar quem ganhar entre Del Valle x Unión Española na última rodada da “pré”.

LEIA MAIS:

Matheus Henrique se incomoda com provocação de Bruno Fuchs na web: “Piada, nunca ganhou p… nenhuma”

“Bom domingo a todos”: ex-jogadores do Inter brincam com derrota do Grêmio e ironizam até Paulo Victor

Renato diz que Palmeiras não fez grandes jogos, mas pede desculpas à torcida e avisa: “Providências serão tomadas”

Siga o autor:

No Instagram

No YouTube