Kannemann diz que Grêmio “perdeu a cabeça” no segundo tempo e sofre com queda: “Olha para dentro e corrigir”

Zagueiro gremista Walter Kannemann falou depois da surpreendente eliminação para o Del Valle

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Reprodução/Fox

Pela primeira vez desde 2016, o Grêmio não estará na fase de grupos da Libertadores. Nesta quarta, o tricolor voltou a abusar de chances de gol perdidas e perdeu igualmente por 2×1 para o Del Valle, na Arena, da mesma maneira que foi na ida no Paraguai.

Após o jogo, o capitão Kannemann conversou com a reportagem do Fox Sports e pediu um “olhar para dentro” para que problemas possam ser corrigidos. Ele também entendeu que o time “perdeu a cabeça” no segundo tempo.

“No primeiro tivemos três ou quatro chances claras. Se tivéssemos feito, seria outra história. Lá, no jogo de ida, tivemos um gol anulado, que também seria outra história. Mas temos que olhar para dentro e entender porque fizemos um primeiro tempo bom, depois caímos no finalzinho. E no segundo tempo talvez a gente tenha perdido a cabeça. Olhar para dentro e corrigir”, declarou.

Nesta pré-Libertadores, o Grêmio passou pelo Ayacucho na rodada inicial e ainda teria de avançar sobre o Del Valle para acessar o Grupo A.

Agora, a realidade é a Sul-Americana no grupo com Lanús, La Equidad e Araguá. A estreia é na Arena, quinta que vem, dia 22, às 19h15, contra o La Equidad. O próximo jogo do calendário é sexta, 20h, fora de casa, contra o Caxias, pelo Gauchão.

Mais declarações de Kannemann:

“Foi um golpe forte. Ninguém queria ser eliminado. Mas temos a Sul-Americana que começa semana que vem. Bola pra frente. Ninguém está feliz. Imaginamos a tristeza do torcedor. Mas é olhar pra frente e corrigir o que está errado”
.
“Temos que aceitar que o adversário foi muito bem, o adversário teve seus méritos. Agora é tratar de ver como corrigir os erros”
.
“Tivemos gol anulado erroneamente, sofremos pênalti e depois expulsão duvidosa. Temos nossa culpa sim, temos que melhorar no jogo sim, mas não é só isso. Perdemos gols também, se tivessem entrado seria diferente”
.
“A mentalidade pode ser um ponto a se corrigir. Repito: temos que ver o que corrigir”

LEIA MAIS:

“Sou gremista raiz, de chorar, sorrir e brigar desde o Olímpico”, escreveu Léo Chú após viver sonho no Gre-Nal

Douglas Costa solta a corneta no Inter após o Gre-Nal, e Rafael Carioca anima gremistas ao falar do amigo: “Perto de fechar”

Maicon se irrita e ironiza suposta informação sobre os três salários mais altos do Grêmio: “Quanta besteira falam”

Siga o autor:

No Instagram

No YouTube