Rueda rebate em áudio torcedor do Santos sobre empréstimo

Presidente do Peixe respondeu a crítica de torcedor por empréstimo que fez para pagar dívida do clube com o Hamburgo

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: (Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC)

Andrés Rueda vem se esforçando para tentar sanear a complicada situação financeira do Santos. Mas uma crítica de um torcedor fez o presidente do clube soltar um desabafo num áudio enviado através do Whatsapp.

De acordo com o Globoesporte.com, o desabafo veio da cobrança de um torcedor sobre um empréstimo que fez na época em que ainda era conselheiro do Peixe, em 2020. Tal empréstimo, de 1,5 milhão de euros, foi para pagar a dívida que o clube tinha com o Hamburgo pelo zagueiro Cléber Reis. Com o pagamento do débito, o Santos evitou perder pontos no Brasileirão daquele ano.

A  crítica deriva do fato de que o clube terá que pagar a Rueda, agora já presidente, dez parcelas de R$ 1,7 milhão por mês (totalizando R$ 11,7 milhões). Na postagem feita pelo torcedor, ele questiona o fato do dirigente ter que pagar e receber os valores do empréstimo.

“Gente, hoje é dia 15. Será que o Rueda vai pagar ao Rueda a parcela do empréstimo para pagar o Hamburgo? É um Marinho por mês de juros”, provocou o torcedor, também postando parte do contrato do empréstimo.

Ao saber de tal postagem, Rueda fez o tal áudio, no qual rebateu a crítica e explicou o conteúdo do acordo para o pagamento do empréstimo pelo Santos.

“Tô com tanta raiva de ver tanta mentira de choradeira de derrotado que me vejo na condição de ter que dar uma explicação: o empréstimo que foi feito, depois que o clube teve que fazer uma negociação e teve R$ 10 milhões de redução, tirou o Santos de correr risco de perder seis pontos. Foi feito do coração de um santista, tudo dentro da legalidade do Conselho. Se vocês tiverem a paciência de ler o contrato, sem contaminação de terceiros, vocês vão entender que existe sim, uma cláusula de multa sobre a parcela. Ou seja, se você não pagar R$ 1 milhão, pode existir uma multa sobre a parcela, que é de 5%, que daria R$ 50 mil de multa”, disse Rueda.

“Falar que o atraso de uma mensalidade é ‘um Marinho por mês’ é de uma maldade ímpar ou uma burrice total financeira. (…) O Rueda não recebeu um tostão do que ele pagou, que deveria ter sido pago na primeira receita extraordinária do clube. O Rueda não recebeu isso e só Deus sabe quando ele vai. Ficar fazendo politicagem com isso? Para de chororô! Isso já encheu o saco”. disparou.

LEIA MAIS


Santos deve ter mudanças contra a Ponte Preta; veja a provável escalação

Saiba quanto os times que avançaram para a Terceira Fase Copa do Brasil receberam