Flamengo recebe proposta milionária de time de Sampaoli pelo meia Gerson

“Coringa” foi um pedido do técnico Jorge Sampaoli para a próxima temporada; Meia foi convocado pela Seleção Olímpica

Matheus Leal
Setorista e editor-assistente do Torcedores.com

Crédito: Alexandre Vidal / Flamengo

Convocado por André Jardine para a Seleção olímpica, Gerson entrou na mira do Olympique de Marseille para a próxima temporada. A pedido do técnico Jorge Sampaoli, os franceses formalizaram uma proposta de 25 milhões de euros pelo meia do Flamengo, cerca de R$ 160 milhões na cotação atual. A informação foi publicada pelo ge e confirmada pelo Torcedores.com.

De acordo com o apurado pela reportagem, o Flamengo já informou ao estafe de Gerson sobre a proposta da equipe francesa e as negociações estão em andamento. O Rubro-Negro se agrada com os valores, mas tenta esticar um pouco mais a corda e receber cerca de 30 milhões de euros. Além disso, gostaria de permanecer com um percentual do atleta de olho numa futura venda, já que o meia tem apenas 23 anos.

Data-Fifa: Quais jogos os times da Série A serão desfalcados?

Está em dúvida sobre qual curso de faculdade escolher?

Os representantes do Marseille estão no Brasil para acelerarem as negociações. Atualmente, a equipe francesa é a quinta colocada na Ligue 1, mas ficou distante de uma classificação à Champions ou Europa League. Para que isso aconteça, Sampaoli deseja reforços de peso para a próxima temporada.

SITUAÇÃO CONTRATUAL

Gerson tem contrato com o Flamengo até o fim de 2023 e foi um dos únicos do elenco a não receber reajuste salarial após o ano mágico de 2019. No entanto, as partes iniciaram conversas em busca de uma renovação no início do ano.

Em contato com a reportagem do Torcedores.com, Marcão, pai e empresário do meia, tranquilizou sobre uma suposta insatisfação de Gerson pela falta de renovação e reajuste salarial. De acordo com ele, há ciência de como a pandemia prejudicou as finanças do clube e não deve haver ganância no momento.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

“Temos que nos manter vivos e ajudar uns aos outros. Nada de ganância. Viemos pro Flamengo com uma aceitação muito boa e temos que fazer jus a isso. Ninguém esperava essa pandemia e nossa relação é muito boa. Está tudo muito tranquilo. Estamos felizes no Flamengo e está andando muito bem. Gerson está feliz e vai dar o sangue pelo clube como sempre fez. Entendemos o momento da pandemia, que é muito difícil para toda humanidade, e não temos problema algum por conta de reajuste salarial”, disse o pai e empresário do camisa 8 Rubro-Negro.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes