Na mira de dois clubes da Série A, Gilberto tem queda na multa rescisória; veja salário do atacante

Gilberto ainda não renovou contrato e pode deixar o Bahia

Bruno Romão
24 anos, jornalista formado pela Universidade Estadual da Paraíba, amante da escrita, natural de Campina Grande e um completo apaixonado por futebol. Contato: bruno.romao.nascimento@gmail.com

Crédito: Lucas Figueiredo / CBF

Em entrevista ao canal do jornalista Jorge Nicola, Guilherme Bellintani falou sobre a situação de Gilberto. Com vínculo até dezembro, o atacante ainda não renovou seu contrato e estaria na mira de Grêmio e Atlético-MG. Dessa forma, como não houve a assinatura de um novo acordo, a multa do jogador caiu para 2 milhões de euros (R$ 12.7 milhões).

“A multa não é de  € 4 milhões, é de  € 2 milhões. Desde dezembro ela caiu pelo acordo original que nós fizemos. No primeiro ano era de  €; 5 milhões, e caiu para  €; 2 milhões de euros em 2021”, declarou o presidente do Bahia.

Mesmo assim, Bellintani garantiu que nenhuma proposta oficial chegou para Gilberto. Caso uma oferta satisfatória seja feita, o clube vai analisar uma possível saída, cenário que não ocorre neste momento.

“Tem contrato até dezembro, temo um compromisso moral que se surgir uma coisa boa para ele, e que seja bom para o clube, não quero ninguém insatisfeito. Não é o caso do Gilberto, ele não está insatisfeito. Se, de fato, surgir uma proposta que ele queira ir, faremos. Não existe nada concreto no momento, e surgindo vamos buscar reposições”, completou.

Segundo Nicola, o salário de Gilberto gira em torno de R$ 500 mil mensais, com todos os encargos. Como o atleta está se encaminhando para o fim de contrato, Grêmio e Atlético-MG podem aguardar para ter o jogador se forma gratuita, e evitar desembolsar os R$ 12.7 milhões exigidos pelo Bahia.

LEIA MAIS

Sondado por dois clubes da Série A, Gilberto possui preferência caso deixe o Bahia