Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Matheus Henrique é o jogador mais valioso do Grêmio; confira o top-10

Elenco do Grêmio está avaliado em mais de 85 milhões de euros, sendo que onze jogadores do time profissional representam 80% desse valor

Flavio Souza
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação / Lucas Uebel / Grêmio FBPA

No último ano, mesmo em um cenário de pandemia, com vários clubes tendo quedas nas receitas, o Grêmio conseguiu ter um superávit. E um fator que ajuda a entender isso é ver como o Imortal está trabalhando com a base. A equipe vem conseguindo retorno técnico e financeiro com jovens revelados pelo clube. Por exemplo, podemos citar Éverton Cebolinha. O atacante foi vendido para o Benfica por 20 milhões de euros (aproximadamente R$ 195,72 milhões). Além disso, o time gaúcho também evita investir muito em contratação de reforços. Basta lembrar que com Renato Portaluppi no time, vários jogadores que chegaram eram veteranos em baixa em seus clubes.

A tendência inclusive é que esse cenário se mantenha. Isso porque no atual elenco, dentre os 10 jogadores mais valiosos do elenco, cinco tem grande potencial para venda, sendo que Pepê, o segundo mais valioso, já está vendido para o Porto. Conforme dados do site Transfermarkt, o meia Matheus Henrique é o jogador mais valioso do elenco, com valor de mercado de 15 milhões de euros (cerca de R$ 97,86 milhões). Confira quais são os atletas mais valiosos da equipe.

Top-10 Grêmio (em euros)

  1. Matheus Henrique – 15 milhões
  2. Pepê – 13 milhões
  3. Douglas Costa – 12 milhões (empréstimo)
  4. Jean Pyerre – 9 milhões
  5. Wálter Kannemann – 4,5 milhões
  6. Alisson – 3,5 milhões
  7. Lucas Silva e Darlan – 2,5 milhões
  8. Diogo Barbosa – 2,3 milhões
  9. Léo Gomes – 1,9 milhões
  10. Pedro Geromel – 1,8 milhões

Valor somado – € 68 milhões

Curiosidades do TOP-10 do Grêmio

  • Da lista acima, quatro deles foram revelados nas categorias de base, contando com Douglas Costa, que chegou ao clube por empréstimo após anos no futebol europeu;
  • Outro ponto importante é a valorização de alguns dos nomes acima. O principal exemplo fica para Matheus Henrique. O Grêmio contratou o jogador junto ao São Caetano por 145 mil euros e hoje ele já vale 100 vezes mais o valor pago pelo clube em setembro de 2018;
  • Como citado, o clube investe pouco em contratações. Temos o exemplo da dupla de zaga titular, contratada em 2016. Geromel chegou com custo zero, enquanto Kannemann foi contratado junto ao Atlas-MEX, por 905 mil euros.

LEIA MAIS:

Grêmio anuncia a contratação de zagueira da seleção uruguaia até o fim de 2021

Vídeo mostra Douglas Costa chorando ao entrar novamente no gramado da Arena: “Grêmio é a minha casa”