Palmeiras e Flamengo tem ‘hegemonia’ na fase de grupos da Libertadores desde 2018

Verdão e Rubro-Negro vem fazendo grandes campanhas na competição nos últimos anos; Juntos, somaram até agora 104 pontos na fase de grupos da Libertadores desde 2018

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Divulgação/Conmebol

A polarização entre Palmeiras e Flamengo não se resume apenas ao âmbito do futebol brasileiro. Os dois últimos campeões da Libertadores também tem conquistado tal posição na competição sul-americana nos anos recentes, em especial na fase de grupos.

Um levantamento de Rodolfo Rodrigues, do Torcedores.com, aponta que Verdão e o Rubro-Negro foram os times que mais somaram pontos na fase de grupos da competição desde 2018. Juntos, ambos conquistaram 104 pontos nos seis jogos que disputaram neste estágio do torneio.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

A liderança da lista é palmeirense. Com 59 pontos, o Alviverde é o time que mais somou pontos em fases de grupos de 2018 até agora, contando os três da vitória sobre o Independiente Del Valle. A supremacia do clube do Palestra Itália nos últimos anos é notória, sendo o clube que vem conseguindo encaixar por várias vezes a melhor campanha da primeira fase.

Com 45 pontos, o Flamengo é o segundo colocado desta lista. Muito por causa da força do elenco do Fla nos últimos anos, que vem colocando o time da Gávea sempre se classificando para as fases eliminatórias. Culminando, claro, no título de 2019, conquistado frente ao River Plate.

Com 40 pontos, River Plate e Boca Juniors dividem a terceira posição desta lista, com o Nacional-URU fechando o top-5, tendo somado 37 pontos. Dentre os brasileiros, o que mais somou pontos em fases de grupos desde 2018 é o Grêmio, com 30. Dos que estão na fase de grupos em 2021, o Santos tem 30.

LEIA MAIS

UEFA abre investigações sobre a criação da Superliga e três clubes podem ser punidos

Palmeiras amplia vantagem na lista de maiores brasileiros vencedores da Libertadores