Treinando no Brasil, Paulinho recebe duas ofertas de clube da Série A

Paulinho está impossibilitado de atuar pelo Guangzhou Evergrande

Bruno Romão
24 anos, jornalista formado pela Universidade Estadual da Paraíba, amante da escrita, natural de Campina Grande e um completo apaixonado por futebol. Contato: bruno.romao.nascimento@gmail.com

Crédito: Lucas Figueiredo/CBF

Segundo informações do jornalista Jorge Nicola, o Red Bull Bragantino apresentou duas propostas oficiais para contratar Paulinho. Com o interesse, o Massa Bruta desejava fechar com o volante por empréstimo, já que ele não possui autorização para desembarcar na China e atuar pelo Guangzhou Evergrande.

Dessa forma, como vem treinando no próprio Red Bull Bragantino, a diretoria fez uma investida dupla, mas nenhuma delas foi aceita pelos chineses, mesmo com o risco de Paulinho ficar parado até o meio do ano. Além disso, a equipe brasileira se mostrou disposta a devolver o atleta, de forma obrigatória, no momento em que a entrada no país asiático for permitida, algo que também não adiantou.

Agora, mesmo com as negativas, o Massa Bruta pode insistir pela contratação do volante que está treinando com os demais jogadores do elenco. No momento, uma compra é inviável por conta dos vencimentos do atleta de 32 anos.

SALÁRIO DE PAULINHO

Atualmente, Paulinho recebe cerca de 11 milhões de euros por temporada (R$ 70.4 milhões). Com o montante, ele embolsa cerca de R$ 6 milhões de reais por mês. Seu contrato vai até junho de 2022, e o brasileiro é considerado peça-chave no Guangzhou Evergrande.

LEIA MAIS

Mercado da bola: Corinthians faz sondagem por Paulinho, mas os valores afastam possibilidade de retorno