Presidente da FPF critica falas de Abel Ferreira sobre usar o Paulistão como ‘laboratório’: “Poderia ter evitado”

Apesar das críticas, Reinaldo Carneiro Bastos pediu compreensão com o Abel Ferreira e lembrou que o português ainda está se adaptando ao futebol brasileiro

Danielle Barbosa
Colaboradora do Torcedores.com.

Crédito: Cesar Greco/Ag.Palmeiras/Divulgação

O presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF), Reinaldo Carneiro Bastos, criticou algumas falas do técnico Abel Ferreira sobre o Campeonato Paulista. Durante participação no programa ‘Mesa Redonda’, da TV Gazeta, o mandatário da entidade afirmou que o português poderia ter se expressado de outra forma sobre a utilização de times alternativos na competição, mas também reconheceu que o treinador ainda está em processo de adaptação.

“O Abel Ferreira é um jovem treinador, que já ganhou título e, não conhecia profundamente o tamanho e a força do Campeonato Paulista. O trabalho que ele fez foi correto, mas o que ele poderia ter evitado é a forma de se expressar, ‘laboratório’, ‘sub-17’, ‘sub-20’. Na minha opinião, ele poderia ter se colocado como ‘vou colocar o melhor que eu puder’”, disse Reinaldo Carneiro Bastos.

+ Marcos vê “vantagem” após vitória do Palmeiras na Neo Química Arena: “A gente se sente em casa”

“Em algumas oportunidades, eram os garotos mesmo que ele tinha à disposição, porque ele teve que dar férias a muitos jogadores para que eles descansassem. Então ele está se adaptando ao Brasil, chegou agora, é novo, tem um futuro grande pela frente e vai amadurecer e conhecer melhor o futebol brasileiro. Ele está no plano de adaptação e a gente precisa um pouco de compreensão com ele”, completou o dirigente.

Está em dúvida sobre qual curso de faculdade escolher?

O presidente da FPF ainda reconheceu que o Palmeiras vive uma situação muito diferente dos rivais com relação ao calendário por causa do sucesso da equipe na temporada passada, que fez o time viajar ao Catar para a disputa do Mundial, e ainda ganhar jogos a mais com a disputa da Recopa Sul-Americana e da Supercopa do Brasil.

“Depois que o se tornou campeão da Libertadores, o Palmeiras foi o clube de São Paulo com o calendário mais apertado em relação aos outros clubes. A situação do Palmeiras é diferente da dos demais. Ele foi jogar o Mundial no Catar, teve jogos adiados aqui, depois teve que fazer o jogo da Supercopa e as duas partidas da Recopa Sul-Americana. Então o Palmeiras teve um calendário com uma dificuldade diferente da grande dificuldade dos outros clubes”, encerrou o mandatário.

Apesar do calendário apertado e de ter utilizado a primeira fase do Paulistão como ‘laboratório’ para muitos garotos da base, o Palmeiras chegou à final da competição após eliminar Red Bull Bragantino e Corinthians nas fase de quartas e semi. A equipe agora se prepara para enfrentar o São Paulo na decisão.

Palmeiras vence e elimina o Corinthians, que vira piada; veja os melhores memes
Palmeiras derrota o Corinthians e está na final do Paulistão; veja os gols

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes