Walter chega ao Botafogo-SP e rebate dúvidas sobre peso: “Importante é fechar a boca e trabalhar”

Atacante chega ao Tricolor para jogar a Série C do Brasileiro; jogador teve passagem apagada no São Caetano

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Divulgação/Facebook Oficial Botafogo-SP

Walter tem um novo destino em sua carreira. O atacante se apresentou ao Botafogo-SP, time que defenderá para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série C e tentar reerguer sua carreira após uma passagem sem muito brilho pelo São Caetano no Campeonato Paulista.

E em sua chegada, os eternos problemas com a balança foram mais uma vez assunto. O novo reforço da Pantera não fugiu das perguntas e garantiu que o que importa agora é provar que o peso não será empecilho para mostrar o faro de gol já demonstrado em épocas passadas.

“Se fosse falar só sobre peso, eu não estaria aonde estou. Sei da minha qualidade e quero dar meu o máximo aqui no Botafogo. Nunca neguei que tenho problema de peso, como alguns tem com droga e bebida. Muita gente pensa que é fácil, mas não é. Fiquei uma semana em casa refrescando a cabeça e ver o que podia mudar, pois tenho 31 anos e a vida passa rápido. Minha esposa me cobra muito e eu também me cobro. Podem ter certeza de que aqui vai ser diferente. O importante é fechar a boca e trabalhar”, ressaltou Walter.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Para buscar tal estado em que a torcida poderá esquecer os problemas e esperar gols, Walter afirma que tem trabalhado bem o psicológico para chegar firme e buscar fazer uma boa Série C. O Botafogo-SP faz sua estreia na competição no dia 30, contra o São José-RS.

“Fisicamente estou bem. Tenho ainda 16 dias para trabalhar firme e estar bem na estreia. Estou muito focado porque aqui tem jogadores de qualidade e preciso estar 100% no corpo e na mente. Meu foco é fazer um bom campeonato aqui”, disse.
LEIA MAIS

NYT: Fifa sabia de plano de formação da Superliga Europeia