Eli Manning assumiu cargo nos Giants e teve a sua camisa aposentada

O ex-quarterback e ídolo dos Giants agora ficará responsável pelas operações de negócios e engajamento com os fãs da equipe de New York

Ricardo Antunes
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Steven Ryan/Getty Images

Eli Manning assumiu o cargo de operações de negócios e engajamento com os fãs do New York Giants, na última segunda-feira (21), o ídolo retorna aos Giants após a sua aposentadoria em 2019, a franquia também divulgou a aposentadoria da camisa 10, que foi usada por ele em 16 temporadas e ainda recebeu a indução no anel da fama do time.

“Por 16 anos Eli representou e definiu o que significava ser um membro dos Giants e estamos animados para ele se juntar ao lado dos negócios da organização. Eli é um dos jogadores mais amados da história dos Giants. Nós tínhamos um interesse mútuo no retorno dele e estamos muito felizes em recebê-lo de volta”, disse o co-dono da franquia John Mara.

Depois alcançar o recorde dos Giants por onde jogou por 16 temporadas como quarterback, Manning se aposentou em 22 de janeiro de 2019, se afastou das estruturas do time devido aos protocolos de Covid-19, assim resolveu por ter um ano sabático para reflexão e posteriormente retornar para contribuir de alguma forma com a franquia.

“Eu queria tirar um ano de férias mesmo. Era o plano: analisar o que você quer fazer, o quão ocupado você quer estar, o quão envolvido você quer estar. Mas eu esperava ter um lugar de volta na organização, por tudo que ela significa para mim”, afirmou Manning.

“Os Giants são o que eu conheço. Desde que saí da universidade, tudo o que fiz e tudo o que queria fazer era contribuir para os Giants. Ganhar jogos e representar a organização de forma positiva. Espero poder continuar a fazer isso”, concluiu o ex-camisa 10 do Giants.

Os Giants além de anunciarem a volta de Manning, disseram que no dia 26 de setembro será oficialmente aposentada a camisa 10 de Eli em uma cerimônia no intervalo do jogo contra o Atlanta Falcons no MetLife Stadium, ele também será incluído no anel de honra do time.

“É uma grande honra e um sentimento inacreditável. Eu acho que é uma oportunidade de agradecer a todos aqui – colegas, técnicos, organização – por acreditarem em mim, por me trazerem a Nova York e me darem uma chance de fazer sucesso”, disse Eli Manning.

Em mais post no twitter dos Giants, agora com a entrevista com Manning, – Eli Manning em um novo capítulo na sua vida retorna ao Giants em uma nova posição na organização

ASSISTA O VÍDEO COMPLETO: Eli fala do retorno aos Giants e da indução ao anel de honra do time

Eli Manning além de mais de uma década e meia defendendo as cores do Giants, detém vários recordes da franquia, como maior número de vitórias (117), jardas aéreas (57.023) e passes para touchdown (366), venceu os Superbowls de 2007 e 2011 sendo eleito o MVP nas duas decisões da NFL, é o único jogador na história da franquia com este feito.

Estas duas finais na época foram contra o poderoso New England Patriots de Tom Brady e Cia, que acabou sucumbindo diante das atuações espetaculares de Manning, por sinal o G.O.A.T tem em sua carreira de mais de 20 anos na NFL com 7 anéis de campeão e vários recordes, tem essa marca negativa de duas percas de Superbowl para equipe de New York.

LEIA MAIS: Nate Ebner pode renovar com os Giants após se retirar da seleção de rubgy dos EUA para as Olimpíadas

Tim Tebow não foi convidado para a ‘Tight End University’, George Kittle explica o motivo da decisão

Membro do Hall da Fama fala sobre anúncio de Carl Nassib e diz que já teve diversos companheiros de equipe gays