Ex-jogador da Ponte Preta morre vítima da Covid-19, aos 34 anos; caso comove

Atleta foi revelado pelas categorias de base da Macaca e se aposentou precocemente

Cido Vieira
Jornalista formado e apaixonado por futebol desde criança. No Torcedores.com desde o ano de 2017, já acumulei diversas funções no site e atualmente me dedico a cobertura do futebol nordestino. No Twitter (@cidovieira90)

Crédito: Divulgação - Pinterest

Natural da cidade de Lins, no interior paulista, o ex-jogador da Ponte Preta Vagner de Brito Moreira, o Vagner Moreira, foi mais uma vítima fatal da Covid-19 em solo brasileiro. O ex-zagueiro de 34 anos acabou não resistindo às complicações da doença e teve morte confirmada na última terça-feira (22). Ele havia se despedido dos gramados em 2014.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Vagner teve uma carreira rápida no futebol profissional. Cria da base da Ponte Preta, ele acumulou passagens também pelo Paulínia, Primeira Camisa, Poços de Caldas, Linense, onde teve maior destaque, e encerrou sua trajetória dentro das quatro linhas no Plácido de Castro, do Acre.

Em suas redes sociais, o Linense lamentou a morte precoce e comovente de Vagner Moreira, que atuava como zagueiro e volante, e defendeu as cores do clube de sua cidade natal entre 2011 e 2013, disputando a elite paulista.

Veja abaixo a nota publicada pelo Linense:

“O Clube Atlético Linense lamenta profundamente o falecimento do ex-atleta Vagner de Brito Moreira. Moreira jogou no Linense de 2011 a 2013, atuava de zagueiro e volante e faleceu nesta terça-feira vítima do Covid-19. Manifestamos nossos mais profundos sentimentos a todos os familiares e amigos.”

Até o fechamento desta matéria, a Ponte Preta não havia se pronunciado sobre a morte do ex-jogador nas redes sociais. No último domingo (20), outro atleta que teve passagens pela Macaca, o ex-atacante Lucas Pereira, também perdeu a batalha para a Covid-19, ele tinha 39 anos, e estava internado há quatro dias em uma unidade hospitalar, não resistindo após sofrer uma parada cardiorrespiratória.

LEIA MAIS: