Santos fecha acordo em ‘Caso Cueva’ e evita novo Transfer Ban

Através de nota oficial em seu site, o Santos anunciou o acordo com o Krasnodar, referente à chegada do peruano Cueva em 2019

Diego Lucio Castro de Oliveira
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Ivan Storti/Santos FC

A gestão do presidente Andrés Rueda conseguiu mais um feito no extra-campo do Santos. Nesta terça(22), o clube anunciou um acordo com o Krasnodar da Rússia, referente ao ‘Caso Cueva’ de 2019. Ficou definido o pagamento da dívida até dezembro de 2023, evitando assim o risco de um possível novo Transfer Ban da FIFA (quando o time fica impedido de contratar novos jogadores).

Entenda o ‘Caso Cueva’:

Na ocasião, o Santos ficou devendo 7 milhões de euros (cerca de R$ 35 milhões) referente à aquisição do meia peruano. Além de Cueva não ter correspondido em campo, sua saída também foi conturbada. Em fevereiro de 2020, A Fifa autorizou o atleta a se transferir para o Pachuca, de forma provisória. O jogador já treinava no clube mexicano há mais de uma semana, e deixou a Vila Belmiro alegando atrasos nos pagamentos.

Santos por sua vez, moveu um processo arbitral na CAS (Corte Arbitral do Esporte) contra Cueva e o Pachuca. O Peixe foi vitorioso em primeira instância e aguarda a decisão final para outubro.

Em caso de nova vitória, o valor será usado para antecipar o acordo com o Krasnodar”, anunciou Andrés Rueda, presidente do Santos.

O manda-chuva santista falou na mesma nota, que é um passo rumo à credibilidade do clube no mercado.

“Mais um passo que o Santos FC está dando rumo à recuperação da credibilidade. Trabalhamos diariamente para nunca mais ter esse tipo de risco no clube. É inaceitável um clube como o nosso não poder contratar atletas por dívidas milionárias não honradas. Foi um momento que o Santos passou que queremos que fique no passado. Agora temos que honrar. No nosso planejamento tínhamos 10 problemas financeiros sérios que poderiam gerar Transfer Ban e prejudicar o fluxo de caixa do Clube. Tínhamos ideia de resolver em um ano e meio e estamos antecipados em seis meses.”

Siga o Torcedores no Instagram e no Twitter

VEJA TAMBÉM:
Mercado da Bola: Barcelona pode oferecer 3 atletas para ter Cristiano Ronaldo; brasileiro estaria no ‘combo’