Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Skate: Confira atletas com chances de medalha nas Olimpíadas de Tóquio

O Skate pela primeira vez é admitido como modalidade olímpica

Rubens Melo
Jornalista Esportivo colaborador do Torcedores.com. Paraibano, 26 anos. Apreciador de futebol - seja ele bem ou mal jogado, jogos eletrônicos e vários outros esportes.

Crédito: Reprodução

O Skate, pela primeira vez, terá uma competição nas Olimpíadas. O esporte radical tem muitos adeptos no Brasil e é um dos favoritos ao ouro olímpico em Tóquio. Serão duas modalidades: o street e o park, ambos com feminino e masculino.

O Brasil terá, em seu total, 12 representantes no skate nas Olimpíadas de Tóquio 2020/2021, sendo eles: Dora Varella, Isadora Pacheco, Yndiara Asp, Luizinho Francisco, Pedro Barros, Pedro Quintas, Pâmela Rosa, Rayssa Leal, Leítica Bufoni, Kelvin Hoefler, Felipe Gustavo e Giovanni Vianna.

No Street feminino, o Brasil é considerado favorito para conquistar o ouro olímpico. Destaque para Rayssa Leal, de apenas 13 anos, que é a vice-líder no ranking mundial, estará na disputa. Além dela, a líder do ranking, Pâmela Rosa e a quarta colocada, Letícia Bufoni, também são cotadas como favoritas. Na categoria masculina do Street, Kelvin Hoefler, Felipe Gustavo e Giovanni Vianna são os representantes brasileiros.

Já no Park masculino, as principais esperanças de medalha são Luizinho Francisco e o multicampeão, Pedro Barros. Correndo por fora, Pedro Quintas tenta surpreender e alcançar o pódio. Pelo feminino, competem pelo Brasil Yndiara Asp, Dora Varella e Isadora Pacheco.

O skate é considerado pela primeira vez um esporte olímpico e terá competição em duas categorias: street (25 e 26 de julho) e park (4 e 5 de agosto).

VEJA TAMBÉM: 

Mercado da bola: Cruzeiro quer devolver jogador ao Flamengo

Fábio escorrega e Cruzeiro leva gol “do meio da rua” no final do segundo tempo

Vale Puskas? Aderlan faz golaço contra o Flamengo; veja