Taison sai em defesa do técnico do Inter: “Não é só culpa do mister”

Ídolo do torcedor colorado pediu calma após a eliminação na Copa do Brasil

Matheus D'Avila
Colaborador do Torcedores

Crédito: Ricardo Duarte / SC Internacional

Ao passo que a demissão de Miguel Angel Ramírez é cogitada fortemente nos bastidores, a principal figura do vestiário do Inter saiu em defesa do treinador. Logo após a eliminação na Copa do Brasil, Taison pediu a palavra e chamou para os atletas a responsabilidade pelos resultados. “Não é só culpa do mister (Ramírez). Nós (jogadores) também somos culpados porque somos treinados para fazer coisas que nem sempre conseguimos. Só que sempre sobra para o treinador. Eu sou culpado, todos somos culpados”, disse.

Porém, apesar do discurso do camisa 10, há uma divisão no clube. Pessoas ligadas a direção já defendem a ruptura do trabalho. Em contrapartida, o departamento de futebol segue convicto da continuidade e, por enquanto, Miguel Angel Ramírez segue. “Quando deu certo estava tudo bem. Não é o esquema ou o mister. Quando se perde o jogo se acha um culpado. Está na hora de pararmos com isso aí. Ter mais consciência e autocrítica”, refletiu Taison.

Pedido para a torcida

Como resultado da eliminação precoce, as críticas em cima de todos os profissionais do clube tomaram conta das redes sociais. Até por isso, Taison solicitou comparecer na janela de entrevistas para passar a sua mensagem ao torcedor. “Eu peço para o torcedor acreditar. Eu entendo o lado do torcedor porque já fui um. Devem estar ‘P’ da vida. Então eu peço, se confiam em mim e eu deixei muita coisa de lado para estar aqui, acreditem (…) Se tiverem que fazer protesto façam. Mas façam para o bem. Sem agredir ninguém. Se o torcedor me respeita, é isso que eu peço”.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

LEIA MAIS:

Time dos EUA diz ter negociações por Lionel Messi

Edenilson encontra dificuldades para explicar eliminação do Inter dentro do Beira-Rio: “Agora temos que seguir trabalhando”