Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Brasileiras do vôlei de praia iniciam mata-matas após primeira fase instável

Ana Patrícia e Rebeca pegam chinesas; Duda e Agatha enfrentam alemãs

Fernando Cesarotti
Jornalista, professor universitário e fã ardoroso de qualquer esporte. Autor do OlimpCast, podcast sobre esportes olímpicos.

Crédito: Ana Patricia e Rebecca precisam superar começo instável - Foto: Buda Mendes/Getty Images

As duas duplas brasileiras que disputam o torneio feminino do vôlei de praia nos Jogos Olímpicos de Tóquio iniciam neste domingo, no horário japonês, a disputa das fases de mata-mata. Tanto Agatha e Duda quando Ana Patrícia e Rebecca tiveram uma fase de grupos instável, e tentam melhorar agora que a derrota significa eliminação.

Agatha e Duda tiveram desempenho melhor, com duas vitórias e uma derrota. Terminaram em segundo lugar no Grupo C e vão enfrentar, nas oitavas de final, as alemãs Ludwig e Kozuch, que fizeram campanha similar: duas vitórias e o segundo lugar no Grupo F. O jogo será disputado às 5h (de Brasília) deste domingo.

Ana Patricia e Rebecca tiveram mais dificuldade durante a fase de grupos. Venceram apenas uma partida e sofreram duas derrotas, ficando em terceiro no Grupo D. A vantagem delas é que tiveram bom sets average e, por isso, conseguiram passar aos mata-matas sem precisar da repescagem. Jogam neste sábado, às 22h (de Brasília), contra as chinesas Wang e Xia = justamente as responsáveis pela única derrota de Agatha e Duda.

Possível encontro nas semifinais

As duas duplas brasileiras estão do mesmo lado da chave. Isso significa que, se vencerem os dois próximos jogos, vão se enfrentar nas semifinais, o que é garantia de pelo menos uma medalha para o Brasil. Não será possível, porém, uma final 100% brasileira como em Atlanta-1996.

Naquela ocasião, na primeira disputa olímpica do vôlei de praia, Jaqueline e Sandra Pires ficaram com a medalha de ouro, ao vencer, na final, Adriana e Mônica. Foi também a primeira vez que o Brasil foi ao alto do pódio numa disputa feminina.

LEIA MAIS:

Confira o quadro de medalhas de Tóquio-2020

Mayra Aguiar entra em clube seleto; veja brasileiros com três ou mais medalhas olímpicas