Bucks vencem fora de casa e está a uma vitória do título

O time dos Bucks consegue a terceira vitória seguida e a primeira fora de casa, para assumir a liderança da série e ficar 48 minutos de sair de um jejum de 50 anos

Davi Alves
Colaborador do Torcedores

Crédito: Giannis e Middleton somaram para 61 pontos na partida. Divulgação: NBA.com

Depois de defender o mando de quadra no jogo 3 e 4, o Milwaukee Bucks tinha a difícil tarefa de vencer o Phoenix Suns fora de casa. Contudo, a tarefa não pareceu pesar nos ombros dos jogadores, que por 123 a 119 venceram a partida e assumiram a liderança da série em 3 a 2. Agora eles estão a alguns minutos de talvez serem os campeões da NBA em 2021. A próxima partida é no dia 20 de julho, às 22h, horário de Brasília, com transmissão da ESPN e Band.

Milwaukee Bucks

Comandados por Mike Budenholzer, os Bucks terminaram o primeiro quarto perdendo por 16 pontos. No entanto, o segundo quarto foi crucial para a volta da equipe no ritmo da partida. Eles fizeram 43 pontos contra 24 de Phoenix, indo para o intervalo com uma vantagem de 3 pontos. Os destaques da partida foram Holiday, Giannis e Middleton, que juntos fizeram 88 pontos. Dos 32 pontos do grego, 20 foram no segundo tempo e 12 no último período, mostrando novamente o entendimento de que quando mais se precisa, ele estará disposto.

Mas o que chamou a atenção foi a atuação de Jrue Holiday, com 27 pontos, 13 assistências e 3 roubos de bola, sendo um deles o momento chave do jogo. Agora Milwaukee terá a chance de encerrar a temporada com chave de ouro em casa, após 50 anos de espera por esse momento. Enquanto isso, Antetokounmpo está liderando as apostas para vencer o MVP das finais.

Phoenix Suns

Vivendo a pior situação desde o início dos playoffs, o time comandado por Monty Williams vai ter que achar forças dentro de si para roubar o mando de quadra de Milwaukee no jogo 6. Após mais uma partida incrível de Devin Booker, onde ele se tornou o primeiro jogador com dois jogos seguidos de 40 pontos nas finais e perder os dois, o time dos Suns não respondeu ao chamado da torcida e deixou a liderança escapar.

Chris Paul teve 21 pontos, 11 assistências e apenas 1 turnover, mas não teve um impacto significativo no confronto. Outros nomes como Bridges e Crowder até tentaram equilibrar a produção do time, mas com o ritmo e sistema tático colocado por Budenholzer, não houve muito o que se fazer. A última bola ainda está sendo criticada, pois Devin Booker tinha a opção de esperar o cronômetro e tomar uma decisão melhor, contudo, acabou perdendo a bola para Holiday com meio minuto no relógio, além de estar atrás 1 ponto no placar.

LEIA MAIS

Suns recebe Bucks em casa para tentar vantagem nas finais

De saída? Kyle Kuzma pode deixar o Los Angeles Lakers em breve