Goleiro da Itália, Donnarumma, não sabia que tinha vencido a Eurocopa ao pegar o último pênalti

“Não sabia se tínhamos vencido”, disse Donnarumma explicando sua postura pouco efusiva ao defender o pênalti que deu o título da Eurocopa para a Itália

Gabriel Mineiro
Colaborador do Torcedores

Crédito: (Photo by Filippo Monteforte - Pool/Getty Images)

 A reação de Gianluigi Donnarumma ao defender o pênalti que deu o título à Itália chamou a atenção dos espectadores. Após realizar a defesa, Donnarumma saiu caminhando lentamente em direção a bandeirinha de escanteio, com cara de poucos amigos.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

 Mas qual o motivo dessa reação? A hipótese de que ele teria sido grandemente influenciado pelo seu treinador no Milan, o ex-goleiro brasileiro Dida, ganhou grande repercussão. Pois, a exemplo do que foi feito no domingo por Donarumma, Dida também era um goleiro muito contido nas comemorações. Até que faz sentido essa explicação, não é mesmo? Mas a verdadeira explicação para a frieza de Donnarumma é ainda mais curiosa.

 A verdade é que Donnarumma não sabia que tinha acabado a disputa, não sabia que aquela defesa tinha consagrado ele e seus companheiros como os campeões da Eurocopa 2020 (ou 2021). “Depois que defendi o pênalti de Saka, não percebi que tínhamos vencido. Me virei para o árbitro para ter certeza que estava tudo bem, porque agora com o VAR eles verificam se você se mexeu antes do chute. Então eu vi os meus companheiros correndo em minha direção e daí tudo começou”, explicou Donnarumma à emissora “Sky Sport”.

 O goleiro italiano foi eleito o melhor jogador da Eurocopa (algo surpreendente por se tratar de um goleiro). Donnarumma disputou todas as sete partidas da competição, sofreu apenas quatro gols e realizou nove defesas difíceis.

 Com o término de seu contrato com o Milan, o destino do melhor goleiro europeu deve ser a França, mais especificamente Paris. Tudo indica que o jovem goleiro de 22 anos irá reforçar o Paris Saint-Germain na próxima temporada.

LEIA MAIS

Boca Juniors está interessado em Lucas Romero, ex Cruzeiro