Ex-joia do Grêmio, volante é convocado para pré-temporada no Manchester City e Tricolor pode lucrar

Tricolor está monitorando situação e pode receber bonificação caso meta fixada no contrato seja atingida

Cido Vieira
Jornalista formado e apaixonado por futebol desde criança. No Torcedores.com desde o ano de 2017, já acumulei diversas funções no site e atualmente me dedico a cobertura do futebol nordestino. No Twitter (@cidovieira90)

Crédito: Foto: Divulgação/Site oficial do Lommel

O jovem Diego Rosa, ex-volante da equipe do Grêmio recebeu uma convocação para realizar uma pré-temporada no Manchester City sob o comando do técnico Pep Guardiola. O atleta ficar trabalhando um mês com a equipe inglesa e posteriormente deve retornar ao Lommel, da Bélgica, também pertencente ao Grupo City.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Geralmente, a comissão técnica de Guardiola convoca jogadores da base do City ou de equipes que integram o Grupo City para montar um grande grupo de atletas para as atividades da pré-temporada. Rosa foi um dos jovens solicitados.

Apesar de ser algo como laboratório, não é descartado que o ex-jogador do Tricolor dos Pampas seja alçado ao time principal dos Citizens. O planejamento inicial é de que o garoto retorne ao Lommel, onde tem contrato. Negociado pelo Grêmio junto aos belgas, o volante atuou em sete partidas pelo time europeu.

Rosa foi vendido pelo Grêmio ao Grupo City, que funciona como um acionista da equipe de Manchester e de outros clubes. Na oportunidade, o jovem teve contrato fixado até julho de 2025, sendo negociado por 6 milhões de euros (R$ 38 milhões na cotação da época), com duas parcelas de 3 milhões de euros, (janeiro de 2021 e janeiro de 2022). O contrato prevê bonificações como número de jogos disputados por ele na equipe. Caso o atleta seja inscrito na Premier League, o fato pode render boas cifras de bonificação ao Tricolor.

Segundo o GE, o Grêmio pode faturar 4 milhões de euros, se Rosa foi inscrito na principal liga de futebol do planeta bola.

LEIA MAIS: