Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Flamengo anuncia a demissão de Rogério Ceni e escolhe substituto; veja valor da multa

Técnico não resistiu à pressão interna e últimos resultados ruins na frente do Flamengo. Maurício Souza assume o comando da equipe

Rafael Brayan
Estudante de jornalismo. Colaborador especialista e editor-plantonista do Torcedores.Twitter: @rafaelbrayan_

Crédito: Alexandre Vidal / Flamengo

O técnico Rogério Ceni não comanda mais o Flamengo. O anúncio aconteceu na madrugada deste sábado (10) através das redes sociais do clube rubro-negro. Clube confirma que Maurício Souza estará no comando na partida contra a Chapecoense.

Mercado em CASA

Clique aqui para ter 50% off!

As melhores notícias de esportes, direto para você

    

 

Leia mais: 

+ Ceni causou crise após pedir atletas de Fortaleza, Cuiabá e Ceará; veja nomes

+ Saída de Ceni, Jesus e Portaluppi livres e Paulão: veja as notícias do Flamengo


“O Clube de Regatas do Flamengo informa que não continuará com Rogério Ceni à frente do time principal. O Clube agradece pelos serviços prestados e deseja sucesso nos próximos desafios”, divulgou o clube rubro-negro.

Além disso, o Flamengo já anunciou que Mauricio Souza comandará a equipe no duelo contra a Chapecoense, em partida válida pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Pelo anúncio oficial da saída, a decisão pelo fim do vínculo foi do Flamengo. Ou seja, possivelmente o clube rubro-negro pagará a multa contratual de R$ 3 milhões por demitir o treinador antes do fim de contrato. Além disso, a equipe só poderá registrar mais um comandante nesta edição do Brasileirão.

VEJA OS NÚMEROS DE ROGÉRIO CENI NO FLAMENGO:

Jogos: 45
Vitórias: 23
Empates: 11
Derrotas: 11
Aproveitamento: 59,3%
Gols marcados: 86
Gols sofridos: 55
Títulos: 3 (1 a cada 15 partidas)

Fonte: SofaScore

DEMISSÃO ACONTECE APÓS CRISE INTERNA

Atual campeão brasileiro, Rogério Ceni viveu com polêmicas por relações internas no elenco do Flamengo. O treinador teve problemas recentes com jogadores divulgados. Nesta sexta-feira (9), o ponto final foi um áudio vazado do analista Roberto Drummond em que o profissional relata a falta de cuidado do técnico ao lidar com os profissionais do clube.

Apesar de ter sido demitido, o funcionário, através da confusão causada pelo áudio, acabou acelerando a saída de Rogério Ceni. De acordo com o jornalista Venê Casagrande, os dirigentes Marcos Braz e Bruno Spindel foram de madrugada à casa do ex-goleiro para comunicar a decisão do Flamengo pelo fim da parceria.