Flamengo de Renato Gaúcho toca menos, mas chuta melhor que o de Ceni na Libertadores

Números mostram que, na estreia do novo treinador contra o Defensa y Justicia, Rubro-negro mudou sua postura dentro de campo

Lucas Ayres
Colaborador do Torcedores

Crédito: Divulgação/Alexandre Vidal/Flickr CR Flamengo

Renato Gaúcho estreou no comando do Flamengo com uma vitória na Libertadores. O Rubro-negro bateu o Defensa y Justicia por 1 a 0 na partida de ida das oitavas de final e joga por um empate no Maracanã, na semana que vem.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Para começar assim, com o pé direito, o novo treinador do Fla teve de mudar um pouco a cara da equipe e trocar o jogo mais ofensivo e controlado dos últimos anos por um estilo mais pragmático e direto. Basta observar os números para perceber.

Os números da estreia de Renato Gaúcho no Flamengo

Na última partida do Rubro-negro na Libertadores, contra o Vélez Sarsfield, no Maracanã, o time (ainda comandado por Rogerio Ceni) teve 58% da posse de bola e trocou 578 passes (87% deles certos). Na partida desta quarta-feira (14), a equipe teve 44% da posse de bola e passou a bola 403 vezes (com 79% de aproveitamento).

Apesar da menor atenção à construção do jogo, o Flamengo de Renato Gaúcho foi muito mais preciso. Das cinco finalizações que deu, quatro foram no gol, sendo que só a última é que não atingiu o alvo. Contra o Vélez, foram 15 chutes, mas só 6 deles acertaram o gol — o placar terminou 0 a 0.

O menor controle da equipe carioca na Argentina resultou, no entanto, em maior sofrimento da defesa. Se no Maracanã sofreu apenas 2 chutes contra o seu gol, no Norerto Tomaghello foram 7, de 14 no total. As 7 defesas de Diego Alves, inclusive, foram um dos maiores números da carreira do goleiro na competição.

No fim das contas, apesar dos números, o resultado foi o que Renato, a torcida, a direção, enfim, o que o Flamengo todo queria: a vitória. E o título, será que vem?

LEIA MAIS

Na estreia de Renato Gaúcho, Flamengo vence Defensa y Justicia na Libertadores com gol de Michael

Volante do Palmeiras faz desarme deitado na Libertadores; assista

Weverton entra para história em 2ª partida com mais defesas pelo Palmeiras na Libertadores