Jardine afirma que Brasil vai mudar para estreia nas Olimpíadas contra a Alemanha: “A equipe que a gente acha ideal”

Seleção brasileira está definida para encarar a Alemanha nesta quinta às 08h30

Matheus D'Avila
Colaborador do Torcedores

Crédito: Lucas Figueiredo / CBF

Faltando poucas horas para a estreia da seleção masculina de futebol, o técnico André Jardine está confiante. O treinador brasileiro aproveitou as últimas semanas para trabalhar o time que acredita ser o ideal para a disputa dos jogos olímpicos. Entretanto, o primeiro duelo já se apresenta como um grande desafio, já que será a reedição da final da competição de 2016. Afinal, o  Brasil encara a Alemanha, nesta quinta-feira, às 08h30 (de Brasília), em Yokohama.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

“Percentualmente é difícil de mensurar (o quanto está pronta), mas com certeza é uma equipe ainda em construção. A gente teve que aproveitar os poucos treinamentos com o grupo completo, a estratégia foi entrosar ao máximo a equipe que a gente acha ideal. É muito comum nesses torneios que as equipes que comecem não terminem o torneio. Acredito que nossa equipe vai se modificar durante a competição, encontrar outras variantes. Não nos procuramos com isso, pelo contrário. Como treinador, tento desfrutar da qualidade e desse bom repertório de jogadores que a Seleção tem, para durante a competição surpreender e encontrar alternativas diferentes, melhores estratégias. Para esse jogo, optamos por uma formação que vai nos oferecer bastante força na frente, um poder grande de marcação, entendemos que é a formação ideal para esse primeiro jogo, contra a Alemanha”, refletiu o treinador.

Dessa forma, o time está encaminhado por Jardine. Conforme os relatos, a escalação provável tem: Santos, Daniel Alves, Diego Carlos, Nino e Guilherme Arana; Douglas Luiz, Bruno Guimarães e Claudinho; Richarlison, Antony e Matheus Cunha.

Curiosidades em jogo

Além da estreia brasileira ser justamente contra a Alemanha, que perdeu o título em 2016 para os canarinhos, outra relação curiosa se faz. O estádio de Yokohama, no Japão, foi o palco do também lendário encontro Brasil x Alemanha na Copa do Mundo de 2002. Na ocasião, os brasileiros venceram por 2 a 0 e conquistaram o pentacampeonato. Acima de tudo, André Jardine sonha em escrever mais uma página favorável aos brasileiros em um duelo cheio de histórias.

“Realmente, é um grande clássico mundial, uma partida que tem uma história maravilhosa. É uma honra para todos poder fazer parte dessa história. Com certeza, são equipes que se respeitam muito, que vão se alternar na dominância do jogo. Acredito num jogo muito igual, duro, que vai ser decidido no detalhe, na estratégia, para o mais concentrado. A gente fica muito honrado de participar de um jogo dessa magnitude, dessa história, ficamos muito honrados de participar. Esperamos, além de desfrutar, escrever mais uma página na história desse confronto. E que seja uma página brasileira”, concluiu o comandante.

LEIA MAIS: