NHL: Luke Prokop, do Nashville Predators, se torna o primeiro jogador sob contrato na liga a comunicar que é gay

Luke Prokop atualmente joga no Calgary Hitman, da WHL. Ele foi selecionado na 3ª rodada do Draft de 2020 pelos Predators

Luís Martinelli
Jornalista, fã de esportes americanos (NFL, NHL, MLB e NBA), futebol australiano e de fantasy sports. Criador dos @BlogNEJ, @BrasilFooty e @ViciadoFSports

Crédito: Divulgação/NHL

Esta segunda-feira (19) ficará marcada na história da NHL. Luke Prokop, prospecto do Nashville Predators, disse ser gay. Dessa maneira, Prokop se tornou o primeiro jogador sob contrato na liga a se declarar homossexual. O atleta de 19 anos foi entrevistado pelo site The Athletic e compartilhou um comunicado nas redes sociais sobre a decisão de informar publicamente a sua sexualidade.

“Ser capaz de ser realmente quem eu sou. Essa é a melhor sensação que tive neste verão e acho que grande parte disso é por causa do meu processo de comunicar”, disse o defensor selecionado na terceira rodada do Draft da NHL em 2020 na entrevista para o jornalista Pierre LeBrun.

Segundo a matéria, Prokop começou a falar a sua orientação sexual para a sua família depois que a temporada da Western Hockey League (WHL), onde joga pelo Calgary Hitman, foi suspensa por causa da pandemia em 2020. Em primeiro lugar, contou para a sua irmã e, em seguida, para a família e amigos mais próximos.

Posteriormente, no mês passado, o gerente geral do Nashville Predators ligou para o recruta. Em resumo, o gereral manager da franquia falou que apoia a sua decisão e para ter certeza de que ele se sentia parte da família Predators.

É provável que Luke Prokop ainda não atue no nível profissional, na NHL, em 2021 e continue no nível júnior. Porém, ele vai participar do camp de desenvolvimento dos Preds, em agosto.

Luke Prokop não foi o primeiro jogador a comunicar publicamente sobre a sua homossexualidade recentemente

Dessa forma, Prokop seguiu os passos de um jogador da NFL ao informar publicamente ser homossexual. Anteriormente, em junho, Carl Nassib, do Los Vegas Raiders, se tornou o primeiro jogador ativo da liga de futebol americano a se declarar gay. Antes de Prokop, nenhum atleta ativo da NHL se declarou abertamente gay. No entanto, Brock McGillis foi o primeiro jogador profissional de hóquei a se abrir sobre a orientação sexual, em 2016.

Confira abaixo a nota escrita por ele

Olá a todos. Enquanto o último ano e meio tem sido louco, tem me dado a oportunidade de me achar verdadeiramente. Não tenho mais medo para esconder quem eu sou.

Hoje, estou orgulhoso de dizer publicamente que eu sou gay.

Foi uma grande jornada para chegar nesse ponto da minha vida, mas não poderia estar mais feliz com a minha decisão de me abrir. Desde jovem, sonhei em ser jogador da NHL e acredito que viver a minha vida autêntica vai permitir que me entregue inteiramente no rinque e aumentar as chances de realizar os meus sonhos.

Não seria possível fazer isso sem o apoio sem minha incrível família, amigos e agentes – os quais tiveram conhecimento a respeito disso sobre mim e me receberam com amor e apoio em cada passo dessa estrada. Espero que, ao compartilhar quem realmente sou, posso ajudar pessoas a verem que gays são bem-vindos na comunidade do hóquei, tanto quanto a gente trabalha para ter certeza que hóquei é verdadeiramente para todos.

Posso ser novo na comunidade, porém quero muito aprender sobre as fortes e resilientes pessoas que vieram antes de mim e pavimentaram o caminho para que eu possa estar mais confortável hoje. Este é apenas o começo da minha jornada e estou animado para ver para onde ela me levará, tanto no hóquei quanto na vida.

Obrigado!

LEIA MAIS

Carl Nassib se torna o primeiro jogador ativo da NFL a se revelar gay

Giants será o primeiro time da MLB a vestir as cores do orgulho LGBTQIA+