Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Olimpíadas: Renato Rezende fica em 3º no ciclismo BMX e vai às semis

Brasileiro enfrentou dois campeões mundiais na sua bateria. Mesmo assim, ele somou apenas 10 pontos e disputará a sua terceira semifinal em Jogos Olímpicos

Marjoriê Cristine
Colaborador do Torcedores

Crédito: Wander Roberto/COB

O brasileiro Renato Rezende quer exorcizar “fantasmas” na prova de ciclismo BMX nas Olimpíadas. Na noite desta quarta-feira (28), o ciclista garantiu a classificação às semifinais da prova. Após três corridas na segunda bateria, o atleta somou 10 pontos e garantiu o terceiro lugar do seu grupo. Agora, o carioca de 30 anos quer tentar, pela primeira vez, uma final olímpica.

O ciclista de BMX volta a competir nesta quinta-feira (29), a partir das 22h (de Brasília), atrás da inédita vaga. Com três Jogos Olímpicos da carreira, Rezende foi eliminado nas duas últimas edições nas semifinais. Por isso, que mudar a história e começou bem a nova chance.

+Olimpíadas de Tóquio 2020: Confira o quadro de medalhas completo

Terceiro lugar na bateria

No Ciclismo BMX, os quatro primeiros colocados de cada bateria se classificam após três corridas. Na primeira bateria do seu grupo, Renato Rezende saiu forte deste a primeira reta. O brasileiro assumiu o terceiro lugar logo na terceira reta e assim passou na linha de chegada.

O carioca estava no mesmo grupo que os holandeses Twan Van Gendt, atual campeão do mundo, e Niek Kimmann, que já foi campeão mundial.

Rezende iniciou bem a segunda bateria, mantendo a terceira posição na primeira curva. Mas o argentino Nicolas Torres acabou fechando o brasileiro, que não conseguiu ultrapassá-lo e terminou a volta na quarta posição. No somatório, Renato ficou em quarto, com 7 pontos, três a menos que o quinto colocado de seu grupo.

Na terceira e decisiva bateria, Rezende teve uma ótima saída e arrancou já na terceira posição. O brasileiro passou a linha de chegada em terceiro e somou mais três pontos, totalizando 10 pontos após três corridas. Assim, o ciclista se classificou em terceiro na sua bateria e vai buscar uma final inédita no ciclismo BMX nesta quinta-feira (29).

LEIA MAIS:

Olimpíadas: Confira a programação desta quinta-feira (29/07)